Política

8 de dezembro de 2021 09:01

Para PT de AL, relação com o PSB não impede federação

Ricardo Barbosa, presidente local da legenda de Lula, ressalta que prioridade do partido é a eleição presidencial

↑ Ricardo Barbosa tem comentado sobre a federação, mas deixa claro que a legenda tem como prioridade as pautas de Lula para 2022 (Foto: Sandro Lima)

Os partidos PT, PCdoB e PSB devem formar uma federação. Diferente das coligações, esse tipo de unidade permanece em vigor para além das eleições. Para os parlamentos, é como se a federação fosse um partido só. Isso é definido nacionalmente e, uma vez criada, a estrutura passa a ser verticalizada. Contudo, se nacionalmente essas legendas têm demonstrado afinidade, aqui em Alagoas, não. Para Ricardo Barbosa, presidente estadual do PT, a prioridade é a disputa nacional com a candidatura do ex-presidente Lula.

“Essa discussão já tem um tempinho que nós estamos amadurecendo. Tivemos, inclusive, uma reunião da presidenta Gleisi Hoffman, da bancada federal e dos presidentes e presidentas estaduais do PT para que a gente pudesse fazer, juntos, uma avaliação da formação dessa federação”, pontua. “No geral, no atacado, eu creio que essa federação é positiva, no sentido de fortalecer não só a eleição do Lula, como também a base que estará com ele. Mas é óbvio que no Brasil, um país de continentais, essa realidade, quando aplicada nos estados causa distorções aqui e acolá. Como por exemplo, aqui em Alagoas, onde de um tempo para cá, nós não temos marchado junto com o PSB”, completa Ricardo Barbosa à Tribuna.

O dirigente petista ressalta que o partido faz oposição à gestão de JHC, do PSB, na Prefeitura de Maceió.

“Inclusive, fomos oposição já na disputa eleitoral de 2021. Somos oposição ao prefeito aqui na capital, mas nós reconhecemos que o país tem uma prioridade e essa prioridade não pode colocar em discussão a realidade de Maceió – ou de Alagoas – na frente. O povo brasileiro está passando fome e morrendo de Covid. O povo brasileiro está comendo osso, cabeça de galinha e essa é a nossa prioridade”, argumenta Ricardo Barbosa. “Sabemos que a salvação para o povo brasileiro está na eleição de Lula para presidente, para tirar Bolsonaro do poder. Então essa é a nossa prioridade”, completa.

SEM RETORNO

Tribuna Independente contatou o presidente estadual do PCdoB, Lindinaldo Freitas; e JHC, prefeito de Maceió e presidente estadual do PSB, através sua assessoria, mas até o fechamento desta edição, não houve retorno à reportagem.

Fonte: Tribuna Independente / Carlos Amaral

Comentários

MAIS NO TH