Política

16 de outubro de 2021 10:06

Arapiraca já conta com 12 pré-candidatos a deputado estadual e à Câmara Federal

↑ Cidade de Arapiraca forma o segundo maior colégio eleitoral de Alagoas (Foto: Edilson Omena)

A menos de um ano para as eleições de 2022, novos nomes já surgem no cenário político para representar a cidade de Arapiraca na disputa das 27 vagas na Assembleia Legislativa Estadual (ALE) e das nove na Câmara Federal, em Brasília.

Em pleitos anteriores, era mais fácil se eleger deputado federal. A legislação permitia a junção de partidos políticos em coligações proporcionais, somar votos e eleger parlamentares até com baixa votação. Mas a nova lei eleitoral mudou o xadrez político e, agora, cada legenda só poderá lançar nove nomes para a disputa à Câmara Federal em 2022. Antes eram 16 nomes.

Para a Assembleia Legislativa Estadual (ALE), nas eleições passadas, os partidos poderiam lançar 48 nomes. Com a nova mudança, as legendas só poderão lançar agora 25 nomes na disputa.

O contexto atual vai exigir que cada candidatura terá que se virar só, porque não poderão mais fazer alianças. Diante dessa nova realidade, as peças do xadrez político já começam a se movimentar na segunda maior cidade de Alagoas.

Pelo que a reportagem da Tribuna apurou, 12 nomes estão postos até o momento, com vistas à disputa para a Assembleia Legislativa Estadual (ALE) e à Câmara Federal.

Os deputados estaduais Ricardo Nezinho (MDB), Breno Albuquerque (sem partido) e Tarcizo Freire (PP) vão tentar a reeleição. Jairzinho Lira (PRTB), que tem raízes em Arapiraca, também vai para a disputa.

DOBRADINHAS

O ex-vereador e ex-deputado Cícero Valentim anunciou que pretende lançar seu nome para estadual ao sufrágio popular, juntamente com a esposa Valquíria Valentim para a Câmara Federal.

Por falar em marido e mulher, a grande dúvida em Arapiraca fica por conta do atual deputado federal Severino Pessoa (Republicanos). Comentários de bastidores apontam que ele pode tentar uma candidatura à Assembleia Legislativa de Alagoas e sua esposa, a ex-prefeita e atual secretária estadual de Assistência Social, Fabiana Pessoa, poderá ir para a disputa como candidata a deputada federal.

FIEL DA BALANÇA

Com a disputa para prefeito, no ano passado, o MDB em Arapiraca saiu vitorioso para o pleito de 2022, em razão do fortalecimento com a eleição de Luciano Barbosa.

O atual gestor será o comandante do processo eleitoral em 2022 no município e também na Região Agreste. Seu filho, Daniel Barbosa, está sempre nas rodas de conversa como um dos nomes mais fortes para a disputa com vistas à Câmara Federal.

Com uma população estimada em 240 mil habitantes, Arapiraca é o segundo maior colégio eleitoral de Alagoas com um contingente superior a 141 mil eleitores.

Nesse contexto também surgem os nomes de Michel Freire (PP), filho do deputado estadual Tarcizo Freire, o atual presidente da Câmara de Vereadores Thiago ML (PROS) e o suplente de vereador Fabinho Tenório também como candidatos a deputado federal.

Na última semana, o ex-deputado estadual Dudu Albuquerque anunciou, por meio de suas redes sociais, a volta ao cenário político na busca do voto em Alagoas. Em 2008, sua esposa, Amilka Melo, foi eleita vereadora por Maceió, mas não quis disputar a reeleição em 2012.

Natural de Arapiraca, Dudu Albuquerque estava afastado de mandato público desde 2010, quando decidiu não ser candidato à reeleição na Assembleia Legislativa Estadual (ALE) e, oito anos depois, lançou o filho Breno Albuquerque, que acabou eleito para o primeiro mandato com 26.355 votos.

Atualmente sem partido, Dudu Albuquerque já foi vereador por três mandatos e presidente da Câmara Municipal de Arapiraca, além de duas vezes deputado estadual.

Conhecido como exímio articulador político, o ex-deputado já elegeu a esposa Amilka Melo vereadora por Maceió e seu filho Breno Albuquerque em 2018 para a Assembleia Legislativa.

Fonte: Davi Salsa – Sucursal Arapiraca

Comentários

MAIS NO TH