Política

13 de julho de 2018 15:31

Greve dos servidores públicos de Maceió começa na próxima terça-feira (17)

Ofício anunciando a deflagração da greve foi enviado para a Prefeitura de Maceió

↑ Assembleia no Clube Fênix (Foto: Assessoria do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió)

Os servidores públicos municipais de Maceió enviaram ofício com o anuncio de deflagração de Greve Geral com tempo indeterminado para o Executivo Municipal na tarde de quinta-feira (12), após rejeitarem a proposta de 3% de reajuste salarial feita pela Prefeitura de Maceió por meio do secretário Municipal de Gestão, Reinaldo Braga, na terça-feira (10). A categoria começa a paralização das atividades na próxima terça-feira (17) com a realização de uma Assembleia Geral, seguida de uma grande passeata nas ruas da cidade, que tem início às 9h no Clube Fênix Alagoana, Centro.

O percentual apresentado de 3% com pagamento retroativo de junho, foi rejeitado pela maioria durante a Assembleia Geral do Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Município de Maceió, que aconteceu na quarta-feira (11); pois não atendeu a data-base em janeiro e não complementou as perdas salariais, que os servidores sofrem desde 2014. A categoria pede os 15,41%, que é o percentual das perdas da inflação acumulado dos anos de 2014, 2015, 2016 e 2017.

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió (Sindspref), Sidney Lopes, convoca todos os servidores para participar da mobilização. “A Greve vai acontecer para permitir que todos os direitos salariais da categoria sejam atendidos pela Prefeitura de Maceió. Mas, isso só será possível se o movimento permanecer forte e atuante com a participação de todos os servidores públicos municipais, que estejam na ativa e também os aposentados. Juntos, somos cerca de 20 mil trabalhadores lutando para garantir nossa dignidade e valorizar nossas profissões!”, ressaltou Sidney Lopes.

Legislação

A atualização dos salários dos servidores públicos está garantida na Constituição Federal inciso X do art. 37, na Lei 10.331/2001, e nas Leis Municipais de Nº 5.898/2010 e Nº 5.241/2002 ― assegurando aos servidores o reajuste salarial anual conforme data-base em janeiro e aplicando-se o percentual baseado no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA), índice que mede a inflação.

Assembleia Geral e Grande Passeata de Greve Geral

Movimento Unificado dos Servidores Públicos Municipais

Data: Terça-feira (17/07)

Local: Clube Fênix Alagoana

Endereço: Av. da Paz – Centro, Maceió

Hora: 9h00.

Fonte: Assessoria do Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Maceió

Comentários

MAIS NO TH