Mundo

24 de novembro de 2021 10:09

Partidos alemães fecham acordo e Olaf Scholz será novo primeiro-ministro

Com isso, Angela Merkel deixa oficialmente o cargo após 16 anos como chanceler

↑ Candidato social-democrata à chanceler da Alemaha, Olaf Scholz, ao lado da chanceler alemã, Angela Merkel, em Berlim (Reuters)

Três dos principais partidos políticos da Alemanha apresentaram nesta quarta-feira (24) um acordo para um novo governo de coalizão.

Foi costurado que Olaf Scholz, do Partido Social-Democrata (SPD), de centro-esquerda, assumirá o comando. Com isso, Angela Merkel deixa o cargo após 16 anos como chanceler.

O SPD de Scholz, os Verdes e os Democratas Livres pró-negócios (FDP) revelarão seu acordo de coalizão em Berlim às 15h (horário local) disse o FDP em um comunicado nesta quarta-feira.

Uma rodada final de negociações está prevista para ocorrer antes de uma coletiva de imprensa no final da tarde. Assim que o acordo for anunciado, ele irá para os membros gerais do partido para consideração.

O processo segue uma eleição apertada em setembro e dois meses de negociações para formar um novo governo.

Os três partidos da coalizão não são companheiros tradicionais. O FDP está mais geralmente alinhado com a centro-direita, ao invés do SPD e dos verdes, de tendência esquerda.

Até agora, um ponto crítico nas negociações da coalizão tem sido o financiamento dos ambiciosos planos climáticos dos verdes, com os democratas livres se opondo ao aumento de impostos.

Um novo governo significará o fim da era de Merkel e enviará sua União Democrática Cristã (CDU), de centro-direita, e seu partido irmão, a União Social Cristã (CSU), à oposição após 16 anos no poder.

O novo chanceler assumirá o comando da maior economia da Europa em um momento de crescente incerteza diplomática na União Europeia, com o bloco enfrentando agressões da Rússia e Belarus e ameaças ao Estado de Direito da Polônia e Hungria.

Fonte: CNN Brasil

Comentários

MAIS NO TH