Interior

23 de junho de 2021 10:03

São Miguel dos Milagres decreta 2 dias de luto oficial pela morte do padre Ronaldo

↑ Padre Ronaldo dos Santos tinha apenas 36 anos (Foto: Pascom São Miguel dos Milagres)

A Prefeitura de São Miguel dos Milagres, em nota oficial, lamentou a partida precoce do padre Ronaldo dos Santos, de apenas 36 anos, vítima de Covid-19, nesta terça-feira (22). Em sua homenagem, o município decretou dois dias de luto oficial, retornando às atividades na sexta-feira (25). Nos quase cinco anos que passou à frente da Paróquia Nossa Senhora Mãe do Povo, padre Ronaldo foi exemplo de fé e bondade para milhares de milagrenses que hoje choram a sua partida.

O prefeito Jadson Lessa afirmou em sua rede social: “Neste momento, nos unimos em oração a todos os fiéis, seus familiares e amigos, pedindo a Deus que traga conforto aos corações e que ele esteja em um bom lugar´´.

Foi Dom Antônio Muniz, Arcebispo metropolitano, que anunciou 5 anos atrás a  transferência do Padre Ronaldo para ocupar o lugar do Padre Erivaldo Xavier. O padre Ronaldo Silva dos Santos era vigário paroquial da cidade de Viçosa.

Padre Ronaldo Silva dos Santos, de 36 anos, era natural de Arapiraca e nunca pensou em ser padre. Ele afirmou quando chegou a São Miguel dos Milagres: “Queria seguir a carreira militar, semelhante a meu pai, mas Deus mudou meus planos e deixei de lado meus sonhos para concretizar na minha vida os sonhos de Deus. Foi a partir de um Grupo de Oração Jovem da Renovação Carismática Católica que, um dia, ouvi a voz de Deus me chamando ao sacerdócio. Fiquei a refletir e quando me mudei para Maceió, num encontro vocacional com a Comunidade Doce Mãe de Deus, ouvi novamente esta voz interior. Ser sacerdote é ser no mundo um novo Cristo. Trazer em nossa vida as feições e o modo de agir de Cristo. De modo muito simples, é aquilo que diz padre Zezinho: ‘amar como Jesus amou, sonhar como Jesus sonhou, pensar como Jesus pensou, viver como Jesus viveu´´.

Fonte: Tribuna Hoje / Claudio Bulgarelli

Comentários

MAIS NO TH