Interior

3 de dezembro de 2019 21:28

Contra demissões, agentes de saúde vão acionar Prefeitura de Arapiraca à justiça

Categoria está unida em defesa de seus direitos e contra demissões

↑ Categoria esteve reunida com o prefeito, mas negociações não avançaram Foto: Ascom Arapiraca

Cansados de esperar uma decisão do prefeito Rogério Teófilo (PSDB) a favor da categoria, os agentes comunitários de saúde de Arapiraca vão acionar, mais uma vez, o Ministério Público Estadual (MPE).

 

O sindicalista Jader Albuquerque revelou, agora há pouco, ao Portal Tribuna Hoje, que, na manhã desta quarta-feira (4), a categoria buscará uma audiência com o promotor Rogério Paranhos.

“O secretário de administração levantou a possibilidade de demissão, na próxima semana, de agentes comunitários de saúde e de endemias contratados pela gestão”, frisou Jader Albuquerque, lembrando que já foi instaurado, há dois anos, um processo no ministério público, solicitando o processo seletivo.

 

“A administração municipal vem adiando esse processo e agora quer demitir os agentes antes da realização do PSS, prejudicando os trabalhadores e a população, que deixará de ser acompanhada por esses profissionais”, acrescentou.

 

Para o sindicalista, além da demissão de aproximadamente 350 agentes de saúde, a gestão municipal que, segundo ele, retirar direitos  adquiridos  de  aproximadamente 187 agentes de saúde.

Fonte: Tribuna Hoje / Davi Salsa

Comentários

MAIS NO TH