Interior

19 de abril de 2019 08:59

Paixão nacional: O belo lado “B” das praias alagoanas

De Norte a Sul do litoral, é tanta beleza que não é preciso ir até paraísos caribenhos ou às ilhas Maldivas para curtir opções

↑ A cerca de 65 quilômetros de Maceió está a bela e ainda desconhecida Jacarecica do Sul; rodeada por falésias avermelhadas com até 15 metros de altura, que atribuem ao local um cenário mais selvagem (Foto: Divulgação)

O litoral brasileiro é uma das paixões nacionais e também deixa os milhares de gringos caidinhos de amor. A beleza é tamanha, que não é preciso ir até paraísos caribenhos ou as ilhas Maldivas para curtir boas opções. Duvida? Então dá uma olhada nas melhores das praias de Alagoas e veja com seus próprios olhos os encantos do “Caribe brasileiro”. Mas nessa reportagem vamos além, vamos apresentar o lado “B” das outras praias alagoanas, aquelas menos conhecidas e badaladas, mas não menos bonitas e encantadoras.

Praia do Saco

Em direção ao litoral Sul, localizada na Massagueira de Baixo, com aproximadamente 3 quilômetros de extensão, a Praia do Saco é considerada uma das menos frequentadas da região. Seu belo visual encanta os diversos visitantes que chegam ao lugar durante a alta temporada, que aproveitam para relaxar e tomar um refrescante banho de mar. É uma boa opção para todos os públicos, atraindo famílias e jovens. Conta com uma espaçosa faixa de areia clara e fina, o mar é calmo, de águas claras e limpas, muito propício para o banho e prática de esportes náuticos. Praticamente inexplorada pelo turismo, essa praia é propícia ao descanso, e os visitantes que chegam ao lugar desfrutam de bons momentos.

Jacarecica do Sul

A cerca de 65 km de Maceió está a bela e ainda desconhecida Jacarecica do Sul. Rodeada por falésias avermelhadas com até 15 metros de altura, que atribuem ao local um cenário mais selvagem, a praia conta não só com o mar, mas também uma lagoa de água doce em uma de suas extremidades. Não há nenhuma infraestrutura e uma das formas de acesso é pelo passeio conhecido como Circuito Pau de Arara, através das Dunas de Marapé.

Lagoa Azeda

A Lagoa Azeda pertence à Praia Azeda. Esta praia tem um mar bem mais tranquilo que Jequiá, e não tem falésias, mas a sua lagoa exótica traz vários turistas à região todos os anos. Uma das características que faz da Praia Lagoa Azeda um grande convite postal é o fato de que o mar é sempre tranquilo, independente da maré. É uma praia de grande extensão e em alguns locais tem cenários de desertificação. Com as suas belezas naturais diversas, a Lagoa Azeda é um dos encantos litorâneos de Alagoas.

Lagoa do Pau

A Praia da Lagoa do Pau fica situada no Litoral Sul, e como qualquer uma das seis praias do município de Coruripe, oferece uma paisagem simplesmente divina. Esta praia fica próxima à Praia do Pontal de Coruripe, e é uma excelente opção para quem gosta de tranquilidade, usufruindo de uma paisagem paradisíaca. A Praia da Lagoa do Pau é de grande extensão, e o ponto mais atrativo é mesmo a tranquilidade que ela oferece aos seus visitantes. Por essa mesma razão ela é considerada como um refúgio da cidade.

Miaí de Baixo

Mais famosa que sua irmã, a praia de Miaí de Cima, com aproximadamente 8 quilômetros de extensão, essa praia é considerada uma boa opção para os que preferem lugares menos movimentados. Seu clima tranquilo é propício ao descanso, onde o visitante pode desfrutar de bons momentos, seja com a família ou amigos. Costuma receber um pequeno número de turistas durante a alta temporada, que aproveitam para relaxar, tomar um refrescante banho de mar e repor as energias. Essa praia é ainda pouco explorada pelo turismo, o que faz com que não seja muito conhecida. Conta com uma grande faixa de areia dourada e fofa, o mar é agitado, apresentando boas ondas a maior parte do tempo.

Feliz Deserto, Pratagy e Sonho Verde são outras opções litorâneas

Considerada uma das menores cidades do litoral alagoano, a Praia de Feliz Deserto é vista como uma boa opção para os que buscam paz e sossego. Seu clima tranquilo encanta os diversos turistas que chegam ao lugar durante a alta temporada, que aproveitam para relaxar, tomar um refrescante banho de mar. O município é repleto de belezas naturais, como é o caso de suas praias, umas movimentadas, enquanto outras são praticamente desertas, propícias ao descanso.

Pratagy

Em direção ao Litoral Norte, se você não vê a hora de descansar em um paraíso perfeito para todas as idades, chegou a hora de conhecer Pratagy, a belíssima orla que fica a 15 km do centro Maceió. Esse lugar mágico mistura mar, rio e Mata Atlântica. Considerada um dos recantos da cidade, é uma boa opção para os que buscam uma bela paisagem para admirar e relaxar. Costuma receber um bom número de turistas durante a alta temporada, mas ainda é pouco conhecida pela maior parte dos que visitam o município nas férias. Moradores da região e pescadores são os principais frequentadores do lugar. De mediana extensão, conta com uma boa faixa de areia dourada e fina, o mar é levemente movimentado, formando pequenas ondas dependendo do tempo.

Sonho Verde

Dentre as incontáveis estrelas do litoral alagoano, jamais poderia ser esquecida uma praia que há algum tempo já ganhou a admiração dos moradores do Estado e, mais recentemente, vem conquistando os turistas, especialmente os italianos. Trata-se da Praia do Sonho Verde. Situada entre as praias de Paripueira (ao sul) e Tabuba (ao norte), Sonho Verde respira uma tranquilidade que faz você se sentir bem distante de um centro urbano.

Praia da Ilha da Crôa

Localizada no município de Barra de Santo Antônio, a Ilha da Crôa é uma das grandes atrações turísticas do Estado. Só que, ao contrário do que o seu nome indica, não se trata de uma ilha, e sim de uma península. É verdade que, com a construção da ponte, o acesso à “ilha” se tornou mais fácil, mas ainda assim, é um lugar que tem muitos encantos, como o Rio Santo Antônio e suas praias, além da vizinha Carro Quebrado, um dos recantos mais bonitos do Nordeste brasileiro.

Praia dos Morros

Deserta, paradisíaca, cinematográfica e a menos conhecida e explorada de toda a Rota Ecológica dos Milagres. Assim se apresenta a Praia dos Morros, a mais famosa e bela do município de Passo de Camaragibe, que é uma verdadeira perfeição para quem quer desfrutar de momentos tranquilos em meio a uma paisagem de tirar o fôlego. A foz do Rio Camaragibe, a água azul cristalina e as falésias atraem os turistas em busca da chance única de percorrer caminhos que parecem intocados por pegadas humanas.

Mas conhecer esse cenário tem seu preço, porque fica numa região de difícil acesso, mas essencial para ser visitada, afinal como a mais bonita do município, merece o grau de dificuldade.

Praia do Riacho

Em São Miguel dos Milagres, no povoado de mesmo nome, tem trechos desertos – movimentado mesmo, somente na faixa de areia da pousada e restaurante Recanto dos Milagres, que recebe grupos vindos de Maceió. Completam o cenário as piscininhas de águas transparentes e os coqueiros. Boa para caminhadas – vindo da praia do Toque, são 45 minutos.

Praia tranquila de águas calmas. Um bom lugar para descansar e fugir do cotidiano agitado das grandes cidades. Costuma receber um bom número de turistas durante a alta temporada, que aproveitam para relaxar e repor as energias.

Praia da Lage

Menos famosa que sua irmã, Patacho, mas não menos bela, tem visual caribenho que agrada. O povoado a 100 km da capital e a 20 km de Maragogi tem um visual paradisíaco, com mar apaixonante de águas mornas. Na maré baixa, eis que surgem as tão aguardadas piscinas naturais. A boa notícia é que ainda é pouco frequentada por turistas, tornando-se naturalmente mais exclusiva. Há pousadas bem convidativas e românticas.

Praia de Antunes

Em Maragogi é ideal para mergulho, feito em águas calmas, mornas e cristalinas, onde se observam corais e até barcos naufragados. Na praia do Antunes, o visual paradisíaco e cenográfico parece até que saiu de um filme. Na maré baixa, bancos de areia se formam no mar de águas quentes e calmas, facilitando o acesso até as piscinas naturais. O pôr do sol é imperdível.

Fonte: Tribuna Independente / Texto: Claudio Bulgarelli – Sucursal Região Norte

Comentários

MAIS NO TH