Interior

23 de janeiro de 2019 15:16

Concurso público de Porto Calvo será no domingo e o de Maragogi no mês de março

Há mais de 18 anos a Prefeitura de Porto Calvo não nomeia um funcionário concursado

Depois da polêmica envolvendo o concurso público na prefeitura de Porto Calvo, a Copeve, enfim, divulgou os locais das provas que serão realizadas neste domingo, dia 27, nas cidades de Porto Calvo, Maragogi, Maceió e Jacuípe. Para saber o local da prova é necessário entrar no site www.copeve.ufal.br. O concurso público para a Prefeitura de Porto Calvo oferta oportunidades para os níveis fundamental, médio e superior, num total de 159 vagas.

Quase 5 mil inscritos vão concorrer no certame. São 32 cargos ofertados pela gestão municipal para ingresso no serviço público. O cargo mais disputado é de professor de educação infantil até o 5º ano com 1.132 inscritos.  O segundo cargo mais concorrido é o de vigilante escolar com 633 pessoas inscritas, seguido de auxiliar de serviços educacionais com 625. Por outro lado, os cargos com menos pessoas inscritas são o de fiscal de tributos e agente de cadastramento imobiliário, com cinco inscritos cada.

Há mais de 18 anos a Prefeitura de Porto Calvo não nomeia um funcionário concursado. O último concurso que tem pessoas efetivadas em Porto Calvo ocorreu em outubro de 1999.

Já em Maragogi, a Prefeitura publicou no Diário Oficial dos Municípios a lei nº 666/2019 do concurso público para ingresso na administração municipal. O certame prevê 218 vagas para 60 cargos diferentes, além de 5 vagas para a SMTT. O salário máximo pode passar de 3 mil reais e o projeto foi aprovado no final do ano pelos vereadores, devendo acontecer até a primeira quinzena de março.

A lei prevê vagas para os níveis fundamental, médio e superior. O concurso também ofertará oportunidades para a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT). Os cargos que possuem mais vagas são para a agente da Guarda Municipal e professor de 1º ao 5º ano, ambos com 30 vagas. Há também oportunidades para portadores de necessidades especiais. Há oportunidades para várias especialidades médicas, assistente social, enfermeiro, biomédico, fisioterapeuta, psicólogo, professor, assistente administrativo, eletricista, pintor e até coveiro. O concurso terá validade de dois anos.

Fonte: Tribuna Hoje / Cláudio Bulgareli

Comentários

MAIS NO TH