Esporte

25 de julho de 2019 11:17

Com 21 jogadores, CRB treina hoje em Ribeirão Preto

Galo tem dúvidas no ataque após boa apresentação de Willie e possível desfalque de Willians Santana no setor

↑ (Foto: Ascom/CRB)

Não muito tempo de comemorar. Hoje à tarde tem treino em Ribeirão Preto. Após uma viagem de mais de dez horas, entre deslocamento aéreo e terrestre, a delegação do CRB já se prepara para o confronto com o Botafogo-SP, nesta sexta-feira, às 20h30, no estádio Santa Cruz. O técnico Marcelo Chamusca levou 21 jogadores, inclusive Williams Santana que deixou a última partida se queixando de dores na perna. O CRB tem dois jogadores com dois cartões amarelos para a partida contra o Botafogo-SP: o goleiro Edson Mardden e o zagueiro Wellington Carvalho.

A vitória em casa contra o Criciúma (2×0) foi importante. “Estou muito feliz pelo desempenho da equipe, fidelidade ao plano de jogo que foi montado, conseguimos vencer, crescemos na tabela”, disse Chamusca.

Foram relacionados os goleiros Edson Mardden e Fernando Henrique; os laterais Daniel Borges, Igor, Junior e Bryan; os zagueiros: Éwerton Páscoa, Wellington Carvalho, Victor Ramos e Edson Henrique; os volantes Ferrugem, Lucas Siqueira, Lucas Abreu e Claudinei; os meias Felipe Ferreira e Hugo Sanches; além dos atacantes: Willians Santana, Alisson Farias, Léo Ceará, Willie e William Barbio.

Um dos mais completos supervisores do futebol brasileiro, Marcos Lima Verde, informou que o CRB ainda pode inscrever mais dez jogadores na Série B e ainda fazer seis substituições.

Porém, o supervisor deixou claro, que o clube agora só poderá trazer mais dois jogadores de outras equipes que também estão disputando a Série B do Brasileirão. “O regulamento diz que o limite é cinco. O CRB já contratou três: Victor Ramos e Léo Ceará (Vitória-BA) e Alisson Farias (Sport-PE). O prazo pra inscrever é até o dia 7 de outubro. Está tudo sob controle e bem planejado”, disse Lima Verde.

CAVALO

Do outro lado o técnico adversário é conhecido do torcedor do CRB. Roberto Cavalo faz grande campanha com o Botafogo-SP e pensa no acesso. “Nós temos um plantel bom para a Série B, quando estão todos à disposição. Tem o Júlio César, Bruno José, Ronald, são três atacantes de beirada e nós perdemos muito sem eles. Com o plantel adequado, todos à disposição, podemos brigar pelo acesso. O equilíbrio da Série B vai até o final e nós temos que ter elenco”, afirmou Cavalo.

Fonte: Tribuna Independente / Editoria de Esporte

Comentários