Educação

31 de julho de 2018 18:40

Ufal ganha Prêmio Alimentação em Foco 2018

Projeto da Enactus incentiva a hidroponia e recebeu R$ 5 mil da Fundação Cargill para dar continuidade à iniciativa

↑ Alunos da Ufal recebem mais um prêmio pela Enactus (Foto: Divulgação)

O Prêmio Alimentação em Foco da Fundação Cargill escolheu os grandes vencedores da terceira edição. Entre os dias 18 e 20 de julho, durante o Evento Nacional Enactus Brasil 2018, os jurados da instituição assistiram à apresentação de resultados dos 15 times selecionados e decidiram premiar os projetos da Fundação Universidade Estadual Vale do Acaraú e Universidade Federal de Alagoas com primeiro e segundo lugar, respectivamente. Os times receberão R$ 7 mil e R$ 5 mil, de acordo com a colocação, para dar continuidade às iniciativas.
“Ao longo do ano, a equipe da Fundação Cargill e funcionários voluntários acompanharam os projetos selecionados e todos apresentaram excelentes resultados, mas este dois comprovaram inovação e transformação nas comunidades em que atuam. As inciativas englobam agricultura familiar, combate ao desperdício de alimentos e a educação alimentar. Essas áreas de atuação estão alinhadas ao propósito da Fundação Cargill”, resumiu Solange Ferreira, diretora financeira Cargill e da Fundação Cargill.

No projeto Amitis, o foco do time da Ufal foi a implantação de hortas hidropônicas inteligentes no cenário urbano de Alagoas, desenvolvidas em três vertentes: hortas comunitárias, escolares e módulos domiciliares. Buscando a sustentabilidade em todas as etapas do projeto, o Amitis promove a melhoria nutricional de comunidades e novas oportunidades de geração de renda. Para o projeto, foi usado o sistema desenvolvido pelo engenheiro Mário Calheiros, composto por uma base suspensa de pallets em que garrafas PET viram canaletas para o cultivo. A técnica permite uma redução em consumo de água de até 90% e implantação em comunidades vulneráveis com áreas degradadas e solos inférteis.

Sobre a Enactus

Organização internacional sem fins lucrativos que fomenta o empreendedorismo social dentro das universidades. Está presente em 36 países e em mais de 1700 instituições de ensino. No Brasil, atua desde 1998 e tem times espalhados em cem universidades com projetos que causam impacto positivo na vida dos mais necessitados por meio de ações empreendedoras. Espera agregar o aprendizado na sala de aula e a criatividade dos jovens para colaborar com um mundo mais justo e sustentável. No Brasil, a Enactus já impactou mais de dez mil pessoas diretamente pelos projetos, em 2016. Mais de 2,5 mil estudantes e 150 professores contribuíram para melhorar o ambiente por meio do empreendedorismo social. Enactus não é proposta de projetos, Enactus são projetos executados, é parceria e colaboração. Mais informações nas redes sociais @enactusufal.

Sobre a Fundação Cargill

Há 45 anos, a Fundação Cargill tem sido um agente transformador nas comunidades e causas em que atua. Seu foco está voltado à promoção da alimentação saudável, segura, sustentável e acessível, com iniciativas que vão desde o campo até o consumidor final. Em 2017, a Fundação desenvolveu e apoiou 45 projetos em 61 municípios, além de fomentar o trabalho de 51 comitês de voluntariado corporativo. Com a ajuda de 852 voluntários, a instituição beneficiou 51.554 pessoas.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH