Economia

26 de abril de 2017 18:55

Dólar fecha a R$ 3,17, maior cotação em quase 2 meses

Moeda fechou a R$ 3,173, maior cotação de encerramento desde 9 de março

O dólar fechou em alta nesta quarta-feira (26), no maior patamar em quase 2 meses, chegando no pico do dia a superar a marca de R$ 3,20, com preocupação dos investidores com o andamento das reformas no Brasil, em especial a da Previdência, e pelo ambiente externo de dólar mais forte.

A moeda norte-americana subiu 0,68%, negociada a R$ 3,173 na venda. É o maior patamar de encerramento desde 9 de março, quando a moeda terminou a R$ 3,1947. Na máxima do dia, a cotação foi a R$ 3,2071, pico desde 19 de janeiro (R$ 3,2325).

No mês, o dólar acumula alta de 1,92%; na semana, alta de 2,08%. Já no ano, a moeda tem desvalorização de 2,36%.

Cenário externo

No exterior, o peso mexicano e o dólar canadense voltaram a mostrar quedas importantes, pressionados por receios de que os EUA saiam do Nafta, o acordo de livre comércio entre os três países.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, propôs nesta quarta-feira reduzir a alíquota de imposto corporativo e sobre os lucros das empresas, ao mesmo tempo em que oferece isenções fiscais para os norte-americanos em um esboço de suas metas para a política tributária.

As medidas podem gerar mais inflação nos Estados Unidos e levar o Federal Reserve, banco central norte-americano, a aumentar as taxas de juros no país além do esperado, alimentando o potencial de atração de recursos hoje aplicados em outras praças, como a brasileira.

Atualmente, o mercado precifica mais duas altas de juros nos Estados Unidos neste ano.

Fonte: G1

Comentários

MAIS NO TH