Cidades

11 de maio de 2021 17:43

Forte ventania registrada nesta terça-feira assusta moradores de Maceió

No Prado, um portão de acesso á garagem de um prédio residencial foi ao chão; Já no Jacintinho, telhados der alumínio ''voaram'' atingindo fios e residências

↑ Portão de residencial não aguentou a força do vento e se desprendeu do muro (Foto: Reeprodução)

Uma ventania registrada na manhã desta terça-feira (11) deixou moradores de Maceió assustados. A Sala de Alerta da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) emitiu um aviso meteorológico na madrugada desta terça-feira (11), informando sobre as condições atmosféricas favoráveis à ocorrência de chuvas contínuas que podem gerar acumulados significativos, acompanhados de rajadas de vento nas regiões do Litoral, Zona da Mata, Agreste e Baixo São Francisco, podendo se estender pelo menos até a próxima quarta-feira (12).

De acordo com o alerta da Semarh, nestas regiões existe risco moderado de movimentação de massa em áreas de encosta, por conta da saturação do solo e pequenos alagamentos, principalmente nas áreas com deficiência na drenagem urbana.

Marinha emitiu alerta de ressaca com ondas de até 2,5 m para Maceió (Foto: Edilson Omena)

No bairro do Prado, parte baixa da capital, o forte vento teve início na noite da segunda-feira (10), com início das chuvas e causou estrago assustando moradores. O prédio residencial Edifício Vega teve o portão de acesso à garagem atingido – não aguentou as rajadas de vento e soltou da estrutura presa ao muro. Apesar do susto, ninguém ficou ferido e nenhum veículo foi danificado.

Já no bairro do Jacintinho, em uma Rua do Loteamento Parque dos Cajueiros, uma residência e um poste de energia foram atingidos por telhas que voaram com o vento. As telhas de alumínio foram parar no asfalto, mas felizmente não atingiu ninguém. Parte do material ficou pendurado em fiações, deixando algumas ruas sem energia elétrica.

Segundo populares, quando ocorreu a queda das telhas, eles ouviram barulho. E uma das casas atingidas pelo material no momento estaria fechada porque os donos tinham viajado. “Foi um barulho grande. Sai para olhar e só vi os fios pegando fogo”, comenta.

No decorrer do dia, uma equipe da Equatorial Alagoas esteve no local para analisar a situação. E em seguida realizar os reparos necessários.

MONITORAMENTO

O alerta também aponta que existe a possibilidade de chuva leve intercalada com períodos de tempo seco em outras regiões de Alagoas. Até o momento, os principais rios e lagoas não apresentam risco de transbordamento.

A Sala de Alerta informa que segue monitorando as condições sinóticas e novas atualizações poderão ser enviadas a qualquer momento. O acompanhamento da previsão do tempo e do monitoramento dos rios pode ser feito pelo site da Semarh, por meio dos seguintes links:  http://www.semarh.al.gov.br/tempo-eclima/previsao e http://www.semarh.al.gov.br/boletim-hidrologico

MARINHA DO BRASIL

A Marinha do Brasil também emitiu alerta nesta segunda sobre o avanço de um sistema frontal que poderia provocar ventos de direção Sul a Sudeste, com intensidade de até 60 km/h, na faixa litorânea do Nordeste e avisou que há condições favoráveis à ocorrência de ressaca, com ondas de até 2,5 metros de altura, na faixa litorânea de Maceió para hoje (11).

Fonte: Tribuna Hoje / Lucas França

Comentários

MAIS NO TH