Cidades

16 de outubro de 2020 20:24

Mesmo com pandemia e home office, eleição para diretoria do Sindjornal supera quórum

Chapa "Nenhum Direito a Menos" foi eleita para a gestão do triênio 2020/2023 com 96,8% dos votos

↑ Foto: Edilson Omena

Apesar da pandemia do novo coronavírus e de muitos jornalistas estarem trabalhando em home office, a eleição para a nova diretoria do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Alagoas (Sindjornal) foi realizada com sucesso. A eleição, inclusive, superou o quórum e a chapa “Nenhum Direito a Menos” foi eleita para a gestão do triênio 2020/2023 com 96,8% dos votos.

Os profissionais da imprensa alagoana contaram com urnas no próprio Sindjornal e também com urnas volantes (que percorreram os locais de trabalho) para realizarem a votação. O horário de votação foi de 9h às 17h.

A eleição teve uma única chapa, que é a “Nenhum Direito a Menos”. Entre as propostas da chapa, estão: unificação do acordo coletivo para todas as empresas de comunicação, para garantir o direito dos jornalistas; lutar para que as empresas garantam o plano de saúde dos profissionais, visando a promoção da segurança e integridade; fiscalizar e denunciar a informação falsa (fake news) para manter a credibilidade do jornalismo responsável e ético; fortalecer a organização dos jornalistas na luta contra a discriminação de raça, sexo, gênero e etnia, além de combater o assédio moral no ambiente de trabalho; entre outras propostas.

Fonte: Rívison Batista

Comentários

MAIS NO TH