Cidades

8 de novembro de 2019 15:22

Morre José Alfredo Mendonça, conselheiro aposentado do Tribunal de Contas

Seu sepultamento ocorrerá às 16h desta sexta-feira (8), no Parque das Flores

↑ José Alfredo Mendonça tinha 82 anos (Foto: Ascom TCE/AL)

Faleceu na noite de quinta-feira (7), o conselheiro José Alfredo de Mendonça, aos 82 anos. Seu sepultamento ocorrerá às 16h desta sexta-feira (8), no Parque das Flores, onde o seu corpo está sendo velado.

As histórias do Tribunal de Contas e do conselheiro confundiram-se ao longo do tempo. Em 14 de fevereiro de 1959 o governador Sebastião Marinho Muniz Falcão nomeava o José Alfredo Pinheiro de Mendonça, aos 22 anos, para o cargo de membro mais jovem do Conselho Deliberativo, do Conselho de Finanças do Estado de Alagoas. Em 1967 o antigo Conselho de Finanças foi extinto, surgindo em seu lugar o Tribunal de Contas do Estado de Alagoas.

José Alfredo presidiu o TCE/AL no período de 1983 a 1987. Exerceu também os cargos de vice-presidente, Corregedor e diretor-geral da Escola de Contas Públicas que leva o seu nome. Foi também relator de dois projetos de Regimento Interno.

Bom relembrar suas palavras registradas no livro “Um Tribunal na História”, sobre sua passagem pelo TCE/AL: “Sempre tratei com o máximo de respeito e cordialidade os meus diletos pares, estendendo aos caros servidores deste Tribunal idêntico tratamento, ressaltando que, indistintamente, tenho recebido de todos, durante essa longa permanência nesta Casa de Contas, as melhores e maiores atenções”.

José Alfredo Pinheiro de Mendonça aposentou-se compulsoriamente em 2007, por força da legislação em vigor. Ao longo do tempo no Tribunal de Contas do Estado de Alagoas, sempre seguiu o seu lema: “Agir com a consciência do dever é agir eticamente”.

Em seu programa na TV Cidadã, o TC News, o Tribunal de Contas fez homenagem ao conselheiro aposentado. Confira o programa:

Fonte: Ascom TCE/AL

Comentários

MAIS NO TH