Cidades

5 de junho de 2017 12:59

11ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos será aberta nesta segunda-feira (5)

Terceiro Salão de Arte também é atração

Consolidar a cultura, a educação, a cidadania, a dignidade e inclusão social em Direitos Humanos é o propósito da 11ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos e do 3º Salão Alagoano de Arte sobre Direitos Humanos. Os dois eventos culturais têm o apoio da Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh) e serão abertos nesta segunda-feira (5), a partir das 20h, no Museu da Imagem e Som (Misa).

A Mostra, que é uma realização do Ministério de Direitos Humanos, será aberta com os filmes “Depois Que Te Vi” e “De Que lado Me Olhas”. Nesta nova edição, 29 produções serão exibidas, entre elas estão curtas, média e longas-metragens, divididas em três mostras: Panorama, Temática (com abordagem nas questões de gênero) e Homenagem (com foco na obra da cineasta Laís Bodansky).

As obras de arte do Salão abordarão temas livres, dentro da abrangência dos direitos humanos (etnias, LGBT, mulher, criança, adolescente, idoso, jovem, imigrante, refugiados, pessoa com deficiência, entre outros).

A Mostra segue até esta sexta-feira (9) e o Salão até o próximo domingo (11).

 

Programação da 11ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos:

Segunda-feira (5) – 20h00 – Depois Que Te Vi; De Que Lado Me Olhas

Terça-feira (6) – 14h00 – Cartão Vermelho; Bicho de Sete Cabeças

                          16h00 – Manancial; Menino 23

                          18h00 – As Melhores Coisas do Mundo

                          20h00 – Humano – Uma Viagem pela Vida

Quarta-feira (7) – 14h00 – Madre Perola; Meu Nome é Jacque

                             16h00 – Chega de Saudade

                             18h00 – Intolerância.doc

                           20h00 – Ilha; Epidemia de Cores

Quinta-feira (8) – 14h00 – A História da Menininha Que Amava Borboletas; Precisamos Falar do Assédio

                               16h00 – Mulheres Olímpicas

                               18h00 – Estrutural

                                 20h00 – Tortura Tem Cor; Quem: Entre Muros e Pontes; Índios no Poder

Sexta-feira (9) – 14h00 – Pobre Preto Puto; Carol

                            16h00 – Como Seria?; Lápis Cor de Pele; Pai aos 15; Chá do General; Do Que Aprendi Com Minhas Velhas.

 

Mostra segue até esta sexta-feira (9) e o Salão até o próximo domingo (11).

 

Fonte: Agência Alagoas

Comentários

MAIS NO TH