Cidades

11 de dezembro de 2017 17:43

Santa Casa de Maceió coordenará estudo reunindo 20 centros de pesquisa do País

Especialista confirma que instituição alagoana implantará centro focado em pesquisas multicêntricas

↑ Cirurgião vascular Bruno Freitas participa de mesa de discussão em congresso internacional realizado na Espanha (Foto: Assessoria)

Ao retornar de palestra no Congresso Espanhol de Cirurgia Vascular, importante fórum europeu de discussão da especialidade, o cirurgião Bruno Freitas anunciou que a Santa Casa de Maceió coordenará um estudo reunindo 20 centros de excelência brasileiros na área de cirurgia endovascular complexa.

O esforço científico envolverá pesquisadores dos hospitais Albert Einstein (SP), Nove de Julho (SP), USP de Ribeirão Preto (SP), Unesp (SP), Federal de Minas Gerais (MG), Federal do Rio Grande do Sul (RS) entre outros.

Stent biomimético

O objeto do estudo é a aplicação do primeiro “stent” biomimético do mundo conhecido como Supera. “O dispositivo implantável tem alta capacidade de adaptação anatômica, seguindo os movimentos naturais do joelho no tratamento da doença arterial periférica”, explicou o cirurgião vascular Bruno Freitas.

“O Supera tem um design inovador, extremamente flexível, o que reduz o risco de rompimentos”, acrescenta Freitas. A pesquisa testará os limites do dispositivo no tratamento de casos graves no Brasil, o que interessa a pesquisadores de todo o mundo.

Centro de Pesquisa Clínica

O importante, segundo Bruno Freitas, é inserir a Santa Casa de Maceió no cenário da pesquisa científica nacional e, em breve, internacional. Na opinião do especialista, o contínuo investimento em pesquisas tornará a instituição um nome recorrente e respeitável entre os grupos de pesquisa.

“O esforço da instituição Santa Casa de Maceió é o de empreender para se posicionar como referência nacional em ensino, pesquisa e assistência na áreas de cirurgia vascular e endovascular”, finalizou Freitas, antecipando que em breve será implantado um CRO (Center Research Organization ou Centro de Pesquisa Clínica, em tradução livre), com vistas a liderar estudos multicêntricos em pesquisas clínicas na especialidade.

Fonte: Assessoria da Santa Casa de Maceió

Comentários

MAIS NO TH