Política

16 de setembro de 2020 16:59

Nova convenção do MDB confirma Luciano e Executiva Estadual contesta

Executiva Estadual alega que diretório não seguiu os trâmites de edital; convencionais apontam erros em documento

↑ Emedebistas de Arapiraca voltaram a confirmar o nome de Luciano Barbosa como candidato a prefeito Fotos: Davi Salsa

O nome do vice-governador Luciano Barbosa foi mais uma vez confirmado como candidato a prefeito de Arapiraca, em nova convenção partidária, ocorrida na tarde desta quarta-feira (16), na sede do diretório municipal do MDB, na cidade de Arapiraca.

Dezesseis dos 18 membros do diretório local compareceram à convenção e, por unanimidade de votos, confirmaram o resultado da primeira convenção, realizada ontem (15).

Antes da votação, na tarde desta quarta-feira, os representantes dos diretórios municipal e estadual participaram de uma reunião a portas fechadas, mas não chegaram a um consenso.

O ex-vice-governador de Alagoas, médico José Wanderley Neto; o secretário estadual de Gabinete Civil Fábio Farias e o deputado federal Isnaldo Bulhões, com o acompanhamento da assessoria jurídica da Executiva do MDB, expuseram no encontro que a pauta da convenção deveria seguir as diretrizes dos diretórios estadual e nacional.

Wanderley disse que Luciano Barbosa faz parte de um projeto maior do partido e a nova convenção deveria seguir o Edital de Convocação, publicado no dia 12 de setembro, e que a convenção ocorrida ontem (15) não teria validade.

No documento, assinado pelo presidente da executiva estadual do MDB, senador Renan Calheiros, com o encaminhamento dos nomes do deputado estadual Ricardo Nezinho e de Daniel Barbosa, filho de Luciano Barbosa, para definição como candidatos ao cargo de prefeito na chapa do partido, além de outras diretrizes quanto a coligações e demais questões eleitorais.

Contudo, os representantes do diretório municipal do MDB de Arapiraca alegaram que o edital publicado no dia 12 não cumpriu o prazo de oito dias previsto no Artigo 27 do estatuto partidário.

Além disso, os convencionais disseram que os nomes de Ricardo Nezinho e Daniel Barbosa não foram registrados para convenção, com base no Artigo 2º da Resolução 01/2020, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e decidiram fazer a convenção que homologou mais uma vez, por unanimidade de votos, o nome de Luciano Barbosa como candidato a prefeito de Arapiraca pelo MDB.

Ainda na convenção, a escolha do vice na chapa ficará a cargo do Partido Liberal (PL), para indicar novamente o nome de Ruteneide Nezinho, que é irmã do deputado estadual Ricardo Nezinho.

Luciano Barbosa e Ricardo Nezinho não compareceram à convenção. Os representantes do diretório estadual, por meio da assessoria jurídica, não reconheceram o ato e devem acionar mais uma vez a Executiva Nacional para cancelar a convenção realizada nesta quarta-feira e manter os nomes de Ricardo Nezinho e Daniel Barbosa como candidatos do partido no pleito do próximo dia 15 de novembro.

Fonte: Davi Salsa Sucursal Arapiraca

Comentários

MAIS NO TH