Interior

27 de fevereiro de 2021 09:42

Croa de São Bento é destino imperdível em Maragogi

Novo ponto turístico da cidade foi aberto para visitação por meio de um decreto municipal na última semana

↑ Águas são tão cristalinas que lembram a paisagem das ilhas paradisíacas do Caribe e das Maldivas (Foto: Divulgação)

Diferentemente da Ilha da Croa, na Barra de Santo Antônio, que na verdade é uma península, a Croa de São Bento, bem em frente ao povoado de São Bento, em Maragogi, aberta para visitação através de um decreto municipal na última semana, é nada mais que um banco de areia que se forma na maré baixa, próximo a uma barreira de corais. No entanto, é um destino imperdível para qualquer um que visite Maragogi, pois tem águas cristalinas azuis-turquesa que, na maré baixa, deixam impressionado até o turista mais viajado.

Agora, com a permissão para visitação, o turista deve saber que a excursão tem uma duração média de 2h, o que dá tempo de sobra para curtir as águas rasas e cristalinas e ainda garantir uns cliques para atualizar as redes sociais.

É um passeio para se curtir em casal ou em família, e não tem contraindicação. E como é feito no período de maré baixa, também não há necessidade de saber nadar. O passeio de jangada adiciona um ar pitoresco ao tour, que é curtinho, já que a Croa fica muito próxima da costa.

O momento ideal para visitar a Croa de São Bento é na maré baixa. Os passeios acontecem normalmente com a maré em 0.6, mas quanto mais baixa, melhor a experiência.

Preservação

Por motivos de preservação, apenas jangadas vão poder chegar ao local. Catamarãs e lanchas são proibidos, pois há risco de destruírem os corais. Cabe denúncia ambiental em caso de oferta.

E depois da curta viagem pelo mar se chega a um banco de areia, formado apenas durante o período de maré baixa. Esta é a Croa, que integra a área de preservação da Costa dos Corais por abrigar espécies marinhas em seu eixo, além de uma barreira de corais.

As águas azuis-turquesa são tão cristalinas que lembram a paisagem das ilhas do Caribe e das Maldivas. O público consegue avistar peixinhos a olho nu, como os sargentinhos, que vivem nos trópicos e são frequentes no litoral brasileiro.

Algumas dicas importantes: nunca se arrisque a ir andando da costa até a Croa de São Bento. A maré sobe rápido e você pode não conseguir voltar.

Mesmo para quem sabe nadar, é muito perigoso; não é necessário saber nadar para fazer esse passeio, mas é necessário comparar a altura da maré com a das pessoas que farão o passeio. Uma maré de 0.6, que é a altura máxima em que se fazem passeios que dependam de maré, já tem 1.40m e por fim não deixe nenhum lixo na sua visita à Croa.

Cuide bem desse pedacinho do paraíso, para que ele esteja por aqui pelos próximos anos.

Fonte: Claudio Bulgarelli/Repórter da sucursal da região Norte

Comentários

MAIS NO TH