Política

13 de abril de 2018 12:03

Ciro e dirigentes do PDT pedem autorização para visitar Lula

Nos pedidos à 12ª Vara Federal de Curitiba, os três se apresentaram como amigos do ex-presidente

↑ Decisão de Ciro foi tomada após críticas de parte da militância do PT por ele não ter participado da vigília no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, diferentemente de outros presidenciáveis à esquerda (Foto: Vitor Schneider/PDT)

Ciro Gomes, Carlos Lupi e André Figueiredo – os dois últimos, presidente e vice-presidente do PDT, respectivamente – pediram à Justiça uma autorização para visitar o ex-presidente Lula na sede da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. A informação é do Estadão.

Nos pedidos à 12ª Vara Federal de Curitiba, os três se apresentaram como amigos de Lula. A lei de execuções penais permite que réus sejam visitados por familiares, amigos e advogados, sendo que apenas a defesa não tem restrições durante a semana.

Nesta semana, 9 governadores e 3 senadores da República tentaram fazer uma visita a Lula, mas a juíza Carolina Moura Lebbos negou o pedido. O governador Flávio Dino, que foi juiz de Vara de Execução Penal, afirmou que a decisão viola o direito de Lula.

A decisão de Ciro foi tomada dias após ele ter sido criticado por parte da militância do PT, que não gostou do fato do pré-candidato à Presidência não ter participado da vigília no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, diferentemente de outros presidenciáveis à esquerda, como Manuela D’Ávila (PCdoB) e Guilherme Boulos (PSOL).

Fonte: Jornal GGN

Comentários

MAIS NO TH