Interior

15 de fevereiro de 2018 08:28

Festa de Momo leva 30 mil pessoas para o Litoral Norte

Região não viveu seu melhor Verão, mas teve um considerável aumento na ocupação em relação ano passado

↑ Em São Miguel dos Milagres, dois blocos arrastaram milhares de pessoas pelas ruas do município (Foto: Claudio Bulgarelli)

Milhares de pessoas se espalharam pelo Litoral Norte para festejar a festa mais popular do Brasil. O Carnaval, que marca o fim da alta temporada na região, levou mais de 30 mil pessoas para as cidades da folia e injetaram somente na última semana algo em torno de R$ 10 milhões na economia local, entre meios de hospedagens, restaurantes, passeios e especialmente nas camisetas dos blocos de rua.

A região não viveu seu melhor Verão, mas teve um considerável aumento na ocupação em relação ano passado, que é o termômetro que mede a alta temporada.

PROBLEMAS

Mas não faltaram problemas, como a falta de água e a queda de energia em São Miguel dos Milagres, Porto de Pedras e Maragogi, três destinos que foram os mais procurados na região. Outro problema sério foi o acumulo do lixo nos quatro dias do Carnaval, apesar dos caminhões de lixo das prefeituras fazerem a coleta até duas vezes por dia, como em Paripueira, São Miguel dos Milagres e Maragogi.

AÇÃO POLICIAL

O Carnaval começou com uma operação da Polícia Militar em Porto Calvo, onde os policiais prenderam cinco suspeitos de tráfico e apreenderam drogas, dinheiro em espécie e um aparelho celular. Os suspeitos foram encaminhados para a delegacia de plantão durante o período carnavalesco em Maragogi. A ação de busca e apreensão ocorreu a pedido da Justiça.

No domingo foi à vez da Operação Lei Seca, que aconteceu na Barra de Santo Antônio e Maragogi, com 142 veículos abordados e 148 testes de alcoolemia realizados. Foram efetuadas quatro prisões. Além disso, foram autuados 27 condutores por diversas infrações e irregularidades de trânsito.

Na segunda um corpo foi encontrado com marcas de tiros, próximo ao lixão de Maragogi. O corpo, de sexo masculino, não foi identificado. A Polícia Militar realizou buscas na região, mas ninguém foi preso. Já a Polícia Civil começou a investigar o crime para descobrir se tem ligação com o tráfico de drogas na região.

O movimento nas estradas foi intenso na volta do Carnaval. Já na segunda-feira (12) à noite, centenas de carros começaram a retornar, sobretudo para Maceió. O grande movimento, no entanto, aconteceu na terça-feira (13) à tarde, com congestionamento que começou em Paripueira. Na saída de Maragogi também foi intenso o movimento de veículos. A Polícia Rodoviária não registrou nenhum acidente fatal.

Fonte: Tribuna Independente / Claudio Bulgarelli

Comentários

MAIS NO TH