Educação

14 de outubro de 2016 16:48

Ufal participa de solenidade para lançar recursos de R$ 4,3 mi em pesquisa

Pesquisadores da Ufal serão contemplados, além da parceria para realização do Caiite

A reitora Valéria Correia, o vice-reitor José Vieira, além de vários pesquisadores da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) estiveram, na manhã desta sexta-feira (14) no auditório do Palácio do Governo, participando da Cerimônia de outorga, que formalizou a liberação de cerca de 4,3 milhões de reais para a pesquisa, em várias áreas do conhecimento. Os 134 pesquisadores contemplados foram selecionados em oito editais da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal). Esses recursos fazem parte de um total de 8 milhões que o Governo anunciou em maio deste ano. O restante do investimento será empenhado em 2017. “Já temos projetos sendo avaliados, contemplando professores doutores de todos os centros universitários de Alagoas. É importante investir para fortalecer os 38 cursos de graduação e 16 doutorados, possibilitando que esse sistema tenha capacidade de gerar Ciência e Tecnologia para o desenvolvimento do Estado”, destacou Fábio Guedes, presidente da Fapeal.

Durante a solenidade, o Governador Renan Filho, o presidente da Fapeal, Fábio Guedes e o vice-reitor da Ufal, José Vieira, firmaram parceria para a realização do Congresso Acadêmico Integrado de Inovação e Tecnologia (Caiite), que será realizado de 7 a 10 de dezembro, no campus A.C. Simões, em Maceió, e de 12 a 15 de dezembro nos campi e unidades do interior. Os recursos liberados pela Fapeal são do edital de auxílio à organização de eventos científicos.

O Governador de Alagoas, Renan Filho, ressaltou que a Fapeal vai continuar investindo em projetos. “Mesmo com o cenário de dificuldades enfrentado pelo Brasil, a Fapeal tem possibilitado os investimentos em Ciência, Tecnologia, Pesquisa e na aproximação com a comunidade acadêmica. Reduzir recursos nesses setores não ajuda a sair da crise, pelo contrário, é preciso investir na produção de conhecimento, inovação e empreendedorismo. Por isso a Fapeal quer reunir os pesquisadores que podem pensar um futuro melhor para Alagoas”, ponderou o Governador.

A reitora Valéria Correia, que representou a Ufal na mesa da solenidade, destacou a importância da iniciativa do Governo de Alagoas. “O investimento do Governo do Estado em Pesquisa é uma estratégia que está na contramão do que o Governo Federal está fazendo, com a suspensão de bolsas de pesquisa. Parabenizo o Governo de Alagoas, porque é através da pesquisa que podemos mudar a realidade. Principalmente em nosso estado, onde temos um dívida social e precisamos trabalhar para reverter os índices negativos de Desenvolvimento Humano”, declarou a reitora

A reitora destacou ainda a importância de unir a comunidade científica nesse momento de redução do investimentos federais. “Se a PEC 241 for aprovada, teremos uma perspectiva de mais cortes. Por isso a decisão política do Governo de Alagoas é bastante acertada. Na abertura do Caiite, vamos lançar o Fórum de Reitores das instituições públicas de ensino superior de Alagoas, para convergir na busca de investimentos para pesquisa, buscando fortalecer a comunidade científica do estado”, anunciou a reitora Valéria Correia.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH