Tecnologia

9 de julho de 2019 16:35

Instagram lança novos recursos para evitar comentários ofensivos e bullying

Funções usam inteligência artificial para identificar comentário de teor ofensivo

↑ Alerta de comentário é nova ferramenta do Instagram contra bullying online (Foto: Reprodução / Instagram)

O Instagram disponibilizou dois novos recursos para combater o bullying na rede social nesta segunda-feira (8). O primeiro, Alerta de Comentário, é voltado para encorajar publicações positivas e vai identificar posts com conteúdo ofensivo e pedir que o usuário “reconsidere o comentário”. O segundo, Restringir Usuários, protege as vítimas de possíveis ofensores e de comentários maldosos sem precisar denunciar e sem que o agressor fique sabendo. As ferramentas focadas no bem-estar mental dos usuários fazem parte do projeto do Instagram criar um rede segura e saudável e foram anunciadas na F8, evento anual de tecnologia do Facebook.

A plataforma divulgou em seu blog oficial estar repensando toda a experiência do Instagram porque tem “o compromisso de liderar o setor na luta contra o bullying online”. Em uma análise sobre a profundidade do problema, a rede social declarou que “espera poder compartilhar mais atualizações em breve” e reconheceu que as medidas tomada não solucionam o problema, mas auxiliam no combate ao cyberbullying. As ferramentas devem ser implementadas para todos os usuários nas próximas semanas.

Alerta de comentário nocivo

A ferramenta de conscientização conta com o apoio da inteligência artificial para identificar comentário de teor ofensivo e notificar o autor do comentário, antes mesmo que ele seja publicado. O objetivo dessa proposta é fazer o usuário refletir sobre suas ações, incentivando-o a desfazer o comentário e publicar um conteúdo menos ofensivo, além de impedir que o destinatário receba notificação da publicação. A plataforma afirma que durante a versão de testes foi possível perceber que os usuários, após terem a chance de refletir, em sua maioria, desistem de publicar os comentários danosos.

Restringir usuário

A ferramenta voltada para a proteção das vítimas foi pensada especialmente para os jovens, que relataram ficar coagidos em denunciar ou deixar de seguir os agressores. Por isso, a plataforma desenvolveu o recurso “restringir usuários”, uma alternativa para aqueles que não desejam denunciar os agressores. Com a função, os comentários da pessoa restrita só estará visível para ela mesma — ou ficaria visível para outras pessoas, apenas caso a vítima aprove. Além disso, as pessoas incorporadas na lista de restrição não podem visualizar quando a pessoa que o reportou está online, nem visualizar mensagens diretas ou saber que está na lista de usuários restritos.

Fonte: TechTudo / Texto: Giulia Araújo

Comentários

MAIS NO TH