Tecnologia

5 de julho de 2018 16:53

Maceió é a segunda capital do Nordeste no ranking de Cidades Inteligentes

Cidade alagoana fica à frente de Recife, Salvador, João Pessoa, Teresina, São Luís e Aracaju

↑ Fellipe Mamede, secretário municipal de Economia (Foto: Pei Fon / Secom Maceió)

Maceió segue avançando no caminho rumo à condição de ser uma Smart City. De acordo com o ranking divulgado pelo portal Teleco, a capital alagoana ocupa o 2° lugar, entre as capitais do Nordeste, com maior oferta de serviços inteligentes ao cidadão, à frente de Recife, Salvador, João Pessoa, Teresina, São Luís e Aracaju.

A cidade de Maceió também é o 4º lugar no ranking no grupo das capitais brasileiras com mais de um milhão de habitantes, ficando à frente de cidades como Curitiba e São Paulo.

“O resultado do ranking mostra que estamos no caminho certo. Focamos no avanço e estamos trabalhando de forma integrada com vários órgãos e secretarias municipais, além de grandes parceiros, a exemplo do Sebrae. O empenho é para, por meio da tecnologia e da inovação, oferecer melhores serviços ao cidadão maceioense e criar um ambiente favorável para projetos e ações que tragam mais desenvolvimento para Maceió”, destacou o secretário municipal de Economia, Fellipe Mamede.

A pesquisa da Teleco foi realizada com o objetivo de identificar as cidades do Brasil com maior oferta de serviços inteligentes para o cidadão, nas áreas de mobilidade urbana, saúde, educação, E-GOV e meio ambiente. Foram pesquisados os 100 maiores municípios brasileiros.

Maceió pontua com avanços como matrícula online, coleta seletiva, uso de aplicativos com serviços de transporte público, horários dos ônibus e bilhetagem eletrônica, além do uso de serviços online como emissão de licenças, certidões e boletos de tributos.

De acordo com o arquiteto e urbanista Messias Costa, assessor-executivo da Secretaria Municipal do Governo (SMG), a gestão do prefeito Rui Palmeira está determinada a ampliar o conhecimento sobre o assunto, investido em capacitações e na troca de experiências entre Maceió e outras cidades referências.

foto

Manoel Messias – assessor-executivo da Secretaria Municipal do Governo (SMG) (Foto: Marco Antônio / Secom Maceió)

“Somos instigados diariamente a buscar soluções inteligentes, viáveis, planejadas, integradas e menos onerosas, para melhorar e facilitar a vida das pessoas da nossa cidade. E por isso, desde 2016, quando a discussão foi iniciada na gestão do prefeito Rui Palmeira, seguimos empenhados na busca de conhecimento sobre o assunto, na pesquisa de ferramentas que possam facilitar a implantação de ações, na troca de experiências em eventos e visitas técnicas para a consolidação dos nossos passos. O resultado tem sido pequenas conquistas e grandes benefícios para a população. Seguimos com este propósito”, afirmou Messias.

O conceito e as práticas para ser uma cidade inteligente exigem dos gestores o entendimento de que é preciso simplificar e desburocratizar a relação da população com a gestão pública. A cidade tem que permitir soluções que vão desde a disponibilização de dados para a geração de oportunidades de negócios e participação social, até o uso da tecnologia disponível e em franca evolução, para resolver questões triviais do cotidiano.

“Estamos dialogando com cidades como Florianópolis, Fortaleza, São Paulo, Rio de Janeiro e Campinas, conectando instituições e pessoas que podem significar boas parcerias para a gestão municipal. E assim, aos poucos, conseguiremos alcançar nosso objetivo, reconhecendo nossas potencialidades e primando pela prática da gestão pública comprometida em fazer o melhor para todos. As parcerias com instituições locais também tem fortalecido nosso trabalho”, complementou Messias Costa.

A Teleco é uma empresa de consultoria, fundada em 2002, proprietária do portal Teleco, maior portal de informações do setor de telecomunicações do Brasil com mais de 100 mil visitantes por mês.

Fonte: Assessoria da Semec / Texto: Isis Correia

Comentários

MAIS NO TH