Saúde

20 de outubro de 2021 10:32

UPA do Cidade Universitária completa um mês e registra 1.184 atendimentos pediátricos

Unidade de saúde também é referência em clínica geral, ortopedia e odontologia

↑ Foto: Secom Alagoas

Um passo muito importante foi dado para a melhoria da assistência à saúde na parte alta de Maceió. Inaugurada há um mês, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Cidade Universitária, situada no Conjunto Eustáquio Gomes, em Maceió, alcançou, nesta quarta-feira (20), a marca de 1.184 atendimentos pediátricos, proporcionando uma melhor assistência às crianças que residem na região.

Nos primeiros 30 dias de funcionamento, a UPA Cidade Universitária, gerenciada pelo Governo de Alagoas, através da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), registrou um total de 3.809 atendimentos. Deste total, 2.491 atendimentos foram casos clínicos, 1.184 pediátricos, 103 ortopédicos e 31 odontológicos.

Daniela Nóbrega, moradora do Conjunto Santos Dumont, esteve na UPA Cidade Universitária no dia 21 de setembro, primeiro dia de funcionamento da unidade. Ela foi levar a neta para receber atendimento pediátrico, uma vez que a criança apresentava um ferimento no peito. “Eu vim buscar atendimento para minha neta, pois ela está com um probleminha no seio. O atendimento aqui foi ótimo, eu gostei muito. Fomos muito bem recebidas”, relatou, à época.

Estrutura – A UPA Cidade Universitária é do tipo III, conta com 19 leitos, sendo 15 de observação e quatro de urgência, além de serviço de classificação de risco, consultórios, sala de gesso, laboratório, exames de raios-X, eletrocardiograma e sala de nebulização. Os pacientes são assistidos por uma equipe multiprofissional, formada por médicos, enfermeiros, odontólogos, além de técnicos nas áreas de saúde e farmacêuticos.

Neste primeiro mês, segundo a diretora da UPA Cidade Universitária, Mayra Paiva, a unidade não se destaca, apenas, pelo número de atendimentos realizados, mas, principalmente, em razão da assistência humanizada ofertada à população. “A humanização no atendimento prestado pelos profissionais, desde a entrada do paciente na unidade, até a sua saída, é o grande destaque da nossa unidade. A prova é que recebemos um número grande de pacientes pediátricos e relatos de mães emocionadas, que antes não sabiam onde levar seus filhos quando apresentavam algum problema de saúde”, enfatiza.

Ainda de acordo com a diretora, a UPA Cidade Universitária facilitou a busca por atendimento médico aos moradores da região. “Anteriormente, quando apresentavam algum problema de saúde, os moradores desta região tinham que se deslocar para muito longe em busca de atendimento médico. Agora, com a UPA Cidade Universitária, eles conseguem receber assistência ágil, humanizada e próximo de suas casas”, salientou Mayra Paiva.

UPAs – Além da UPA do Cidade Universitária, Maceió conta, ainda, com as UPAs do Jacintinho e do Tabuleiro do Martins, construídas integralmente com recursos próprios do Governo do Estado. A capital tem, ainda, as UPAs do Trapiche e do Benedito Bentes, que foram equipadas pelo Estado e entregues à população.

Até o fim do ano, o Governo do Estado estará entregando mais três UPAs, sendo duas na capital alagoana e uma no interior. Em Maceió estão sendo construídas as UPAs Jaraguá e Chã da Jaqueira; já no interior, está em fase de construção a UPA Arapiraca.

Fonte: Secom Alagoas

Comentários

MAIS NO TH