Saúde

5 de abril de 2021 18:28

AL inicia vacinação das Forças de Segurança das esferas municipal, estadual e federal

Imunização seguirá o critério de faixa etária e ocorrerá nas sedes das corporações, tanto na capital como no interior do Estado

↑ Governo deu início à vacinação contra a Covid-19 dos profissionais das Forças de Segurança que atuam em Alagoas, nas esferas federal, estadual e municipal (Foto: Márcio Ferreira / Agência Alagoas)

Em cerimônia realizada na tarde desta segunda-feira (05) no Palácio República dos Palmares, o Governo do Estado, através da Secretaria da Saúde (Sesau), deu início à vacinação contra a Covid-19 dos profissionais das Forças de Segurança que atuam em Alagoas, nas esferas federal, estadual e municipal. O governador Renan Filho e os secretários de Estado da Saúde, Alexandre Ayres; e da Segurança Pública, Alfredo Gaspar de Mendonça, participaram da solenidade, ocorrida no auditório Aqualtune.

“É muito importante que a gente compreenda a magnitude dessa pandemia e o quanto é significativo o trabalho das corporações. É fundamental que a gente lembre, também, que quem garante a promoção da paz e a ordem, nesse momento, são os agentes de Segurança Pública, tanto na esfera municipal, quanto na estadual e federal. Essas pessoas que estão na linha de frente, na luta, vão agora serem priorizadas no Plano Estadual de Imunização”, declarou Renan Filho.

De acordo com ele, a vacinação das Forças de Segurança seguirá o critério de faixa etária, iniciando acima dos 45 anos, e ocorrerá nas sedes das corporações, tanto na capital como no interior do Estado.

“Nós esperamos vacinar a todos em um curto espaço de tempo, sobretudo, porque estamos nos aproximando da imunização dos idosos acima de 60 anos em Alagoas, que eu acredito que acontecerá, certamente, agora no mês de abril. Isso nos permitirá avançar em outros públicos, além das Forças de Segurança: os profissionais da Educação e as pessoas com comorbidades”, acrescentou o governador.

Foram vacinados durante a cerimônia integrantes do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBM), e das polícias Militar, Civil, Federal, Rodoviária Federal e Penal; além da Perícia Oficial, Defesa Civil e Guarda Civil Municipal de Maceió.

Com 53 anos de idade e 30 de Polícia Militar (PM), enfrentando a criminalidade nas ruas, o segundo sargento Cícero de Lima Ocrécio, lotado na Força Tática do 1º Batalhão, foi o primeiro profissional das Forças de Segurança a receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19, durante a solenidade. Ele confessa que conviver com o perigo de contágio pelo novo coronavírus causa temor.

“Não vou dizer a você que não amedronta, porque amedronta. Só no mês passado, eu perdi dois familiares com essa doença: um tio no Rio de Janeiro e um primo aqui em Alagoas. Nós somos a primeira linha de frente, porque antes de todos chegarem, quem faz o primeiro atendimento somos nós. Então eu dei graças a Deus quando chegou a vacina”, revelou o militar.

O secretário de Segurança Pública destacou a importância da decisão tomada pelo governador de imunizar as Forças de Segurança. “Os nossos profissionais, em nenhum momento, pararam as atividades; eles estão na rua combatendo a criminalidade e conscientizando as pessoas. Esse gesto do governador representa, ainda, um ânimo maior a todas as forças para continuarem contribuindo com Alagoas”, afirmou Alfredo Gaspar.

Para o secretário Alexandre Ayres, a vacinação das Forças de Segurança contribui para o avanço da imunização em Alagoas contra a Covid-19. “A gente precisa acelerar a vacinação e é isso o que estamos fazendo aqui hoje. Já estamos finalizando o grupo de idosos e agora vamos vacinar as Forças de Segurança e, em seguida, a Educação, em paralelo com os cidadãos com comorbidades”, reforçou Ayres.

Fonte: Agência Alagoas / Texto: Severino Carvalho

Comentários

MAIS NO TH