Saúde

6 de junho de 2020 10:24

Ocupação de leitos é alta e só o isolamento resolve, diz secretário da Saúde

Alexandre Ayres concedeu coletiva on-line na noite dessa sexta-feira (5) e destacou o preocupante avanço de casos e óbitos esta semana

↑ Alexandre Ayres voltou a alertar para o alta taxa de ocupação dos leitos de Covid-19 (Foto: Igor Nascimento)

O secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, concedeu entrevista coletiva on-line, no início da noite desta sexta-feira (5), para tratar das ações de combate à pandemia da Covid-19 em Alagoas. O gestor apresentou os dados do último boletim epidemiológico e ressaltou que Alagoas chegou a 13.939 casos da doença e 557 óbitos, o que demonstra que a situação é preocupante.

“Os números de casos e mortes por Covid-19 esta semana apresentaram uma evolução muito grande e isso preocupa. Durante a semana, tivemos uma média de 700 casos da Covid-19 sendo registrados em Alagoas diariamente. Esses números também demonstram a ampliação das testagens realizadas pelo Laboratório Central de Alagoas [Lacen/AL]. Foram mais de 300 casos testados nesta sexta e ainda tem a complementação dos testes feitos pelos laboratórios privados e nas Centrais de Triagem”, destacou Alexandre Ayres.

O secretário de Estado da Saúde também trouxe os números da ocupação diária dos leitos exclusivos para o tratamento de pessoas com Covid-19. “O mapa chama a atenção para uma saturação da rede hospitalar no que diz respeito às Unidades de Terapia Intensiva [UTI]. Temos 151 UTIs disponíveis em Maceió e 122 estão ocupadas, o que representa uma margem de 81% de ocupação. No interior do estado, existem 63 UTIs disponíveis e 56 delas estão preenchidas. Ou seja, a ocupação no interior chegou a 89%. É um número bastante preocupante, mas o Governo de Alagoas vem trabalhando fortemente na ampliação dos leitos clínicos, com mais de 800 deles à disposição para o tratamento de pessoas contaminadas pela Covid-19”, apontou.

Alexandre Ayres reiterou o pedido à população para o cumprimento do isolamento social, pois existe um crescimento vertiginoso dos casos da Covid-19 no interior de Alagoas. “A projeção da Sesau é ampliar, nos próximos dias, esta oferta de novos leitos, com a pretensão de chegar a 300 leitos de UTI em funcionamento até o final deste mês de junho”, complementou.

Novo hospital e Centrais de Triagem – O secretário destacou que mais um hospital será entregue pelo Governo de Alagoas em 30 de junho. Trata-se do Hospital Regional do Norte, construído em Porto Calvo e que terá 50 leitos clínicos e 10 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para Covid-19. O hospital irá contemplar uma população estimada em 166 mil habitantes. Com isso, além de Porto Calvo, serão beneficiados os moradores de São Luís do Quitunde, Jacuípe, Matriz do Camaragibe, Passo do Camaragibe, São Miguel dos Milagres, Japaratinga, Porto de Pedras e Maragogi.

Em Arapiraca, informou o secretário, as obras para a montagem da Central de Triagem já iniciaram desde a última quarta-feira (3). A estrutura está sendo levantada no Ginásio João Paulo II, localizado na Praça Ceci Cunha, e conta com quatro consultórios, oito poltronas de medicação, área de espera para 100 pessoas e capacidade para realizar até 150 atendimentos por dia, com funcionamento entre 7h e 19h, todos os dias da semana. A inauguração está prevista para o final da próxima semana.

Por fim, o gestor da saúde estadual reforçou mais um compromisso da Sesau junto à população sertaneja. A Central de Triagem de Santana do Ipanema também será entregue pelo Governo nos próximos dias.

Fonte: Agência Alagoas

Comentários

MAIS NO TH