Saúde

9 de janeiro de 2020 12:44

Programa de acompanhamento para pacientes amputados é realizado em Maceió

Para a solicitar a prótese o paciente deve comparecer à unidade munido de RG, CPF, comprovante de residência (até 3 meses), cartão SUS, título de eleitor e o requerimento do médico

A Associação Pestalozzi de Maceió, através da unidade de Órtese e Prótese e da Oficina Ortopédica Fixa Tipo I Lázaro Henrique Lino dos Santos possui o Programa de Acompanhamento aos Pacientes Amputados, que tem como objetivo auxiliar no período pré e pós-protetização. A unidade conta com uma equipe multiprofissional composta por Protesista, Fisioterapeuta, Terapeuta Ocupacional e Psicóloga, que acompanha a pessoa amputada durante todo o processo de concessão de uma prótese.

Atualmente, o programa beneficia em média 15 pacientes, entre os que já receberam a prótese e os que estão para receber. As próteses mais solicitadas são as transtibiais, transfemurais e chopart.
“Inicialmente os pacientes são avaliados pelo Protesista, que atende na unidade todas as terças-feiras no horário da manhã, após essa avaliação, o paciente passa a ser acompanhado pela fisioterapia e terapia ocupacional até receber a prótese. Em seguida fica sendo acompanhado mais um período de adaptação ao equipamento até receber alta”, explica Anne Caroline Fernandes, coordenadora da unidade de Órtese e Prótese.

Para a solicitar a prótese o paciente deve comparecer à unidade munido de RG, CPF, comprovante de residência (até 3 meses), cartão SUS, título de eleitor e o requerimento do médico. Após o procedimento o solicitante deve aguardar o contato para buscar o equipamento.

De acordo com o fisioterapeuta Felipe César Soares, também faz parte do programa o acolhimento dos usuários. “O acolhimento é realizado pela psicóloga que trabalha as questões de autoimagem e aceitação dessa nova realidade de vida, tudo isso para que o resultado da protetizacao seja mais rápido e eficaz promovendo dessa forma a inclusão social, independência e a autonomia dessas pessoas”, destacou.

A unidade de Órtese e Prótese funciona das 7h às 11h e das 13h às 17h, na Rua Comendador Firmo Lopes, 211 – Farol. Mais informações pelo telefone: (82) 3201-2355.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH