Saúde

2 de março de 2018 16:59

Influenza: vacina continua sem restrição de público-alvo em Maceió

Vacinação tem objetivo de reduzir mortalidade, complicações e internações decorrentes das infecções pelo vírus da influenza

↑ Imunização com Influenza não terá público-alvo (Foto: Divulgação)

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Maceió continua disponibilizando à população em geral, através das unidades de saúde do município, a vacina que garante a imunização contra o vírus da Influenza/H1N1 – popularmente chamada de vacina da gripe – na composição de 2017.

A dose da vacina passou a ser oferecida pelo município sem restrição de público, desde janeiro, por determinação do Ministério da Saúde e em caráter temporário, até que houvesse a finalização dos estoques enviados durante a campanha do ano passado. E, apesar da procura inicial da população, ainda há doses disponíveis nas unidades de saúde que possuem sala de imunização.

A Gerência de Imunização da SMS lembra, no entanto, que aqueles que foram vacinados este ano, após a liberação do Ministério e os que garantiram a imunização durante a campanha, como público-alvo – idosos, gestantes, crianças, puérperas, portadores de doenças crônicas, professores, trabalhadores da área de saúde, população indígena, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, além de adolescentes de 12 a 21 anos – só deverão ser vacinados na próxima campanha nacional, prevista para ocorrer em abril ou maio deste ano, uma vez que será uma vacina de composição diferente.

A vacinação tem o objetivo de reduzir a mortalidade, as complicações e as internações decorrentes das infecções pelo vírus da influenza, em especial na população alvo.

As contraindicações gerais para a vacina Influenza são alergia a ovo e reação anafilática a uma dose anterior e as contraindicações temporárias são semelhantes às das outras vacinas do calendário. A vacina deverá ser administrada por via intramuscular na dosagem de 0,5 mL.

Fonte: Tribuna Hoje com Secom

Comentários

MAIS NO TH