Política

Transição na Defesa só começa depois do retorno de Lula

Expectativa é que o presidente eleito só tome uma decisão no início de dezembro

Por Brasil 247 18/11/2022 06h51
Transição na Defesa só começa depois do retorno de Lula
Lula durante o debate da Band - Foto: Assessoria

O coordenador dos grupos técnicos do governo de transição, o ex-ministro Aloizio Mercadante (PT), negou nesta quinta-feira (17) que haja atraso e dificuldades para definir a composição do colegiado responsável pela área da Defesa. De acordo com ele, a definição acontecerá após o retorno do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que está em viagem ao Egito para participar da COP.

A expectativa entre interlocutores de Lula sobre o tema é que o presidente eleito só tome uma decisão no início de dezembro, informa a Folha de S.Paulo.

Os dois únicos setores para os quais não foram designados grupos de trabalho na transição são Defesa e Inteligência, dois temas sensíveis.

O governo de transição já anunciou 30 grupos técnicos e mais de 300 pessoas que vão integrar os trabalhos da equipe de Lula, seja na coordenação, nos GTs e no conselho político.