Política

21 de julho de 2021 14:54

Teca Nelma quer ampliar incentivos a atletas e paratletas de Maceió

↑ Teca Nelma. Foto: Assessoria

A vereadora Teca Nelma apresentou um projeto de lei que cria bolsas para promover e incentivar atletas e paratletas amadores, de alta performance, que representem Maceió em competições regionais, estaduais, nacionais e internacionais. “As olimpíadas e paralimpíadas são um exemplo claro de onde essas pessoas podem chegar quando recebem o estímulo adequado para se dedicar ao esporte”, disse Teca Nelma.

O Programa Bolsa Atleta e Paratleta de Maceió concederá a esses atletas amadores incentivos em bolsas, por no máximo 12 meses, cujo valor e a quantidade de vagas serão definidas por edital de seleção pública, por intermédio da Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer. A bolsa pode ser estendida caso o atleta esteja em preparação ou treinamento para alguma competição esportiva.

“O esporte exige dedicação, esforço e investimentos. Não só financeiro, mas também das habilidades físicas de cada atleta. Essa bolsa será a garantia de uma condição mínima para que eles possam treinar e se preparar com mais tranquilidade para as competições, representando o nosso município e Alagoas por todo mundo”, afirmou a vereadora.

O Bolsa Atleta beneficiará não só atletas de rendimento individual, mas também coletivos, técnicos, treinadores e assistentes esportivos, que treinam ou coordenam atletas ou equipes, em nível de competição. Também poderão ser beneficiados atletas estudantes, que estejam regularmente matriculados em instituição de ensino público ou privado, desde que comprovem ter bom rendimento escolar e ótima conduta disciplinar.

“Maceió tem excelentes atletas e paratletas, nas mais diversas modalidades. Que, muitas vezes, só precisam de um incentivo para mostrar seu potencial. Ter a segurança e as condições adequadas para treinar, certamente fará a diferença para que sigam na busca por concretizar seus sonhos”, completou Teca Nelma.

O projeto está na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal e segue em tramitação.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH