Política

14 de junho de 2021 14:10

Governo de Alagoas chega à marca de 30 Cisps em operação nesta terça-feira (15)

Governador Renan Filho inaugura Centro Integrado de Matriz de Camaragibe às 14h; política de integração policial garante segurança de 780 mil alagoanos

↑ Na foto, CISP de São José da Laje, um dos 29 já inaugurados pelo Estado (Foto: Márcio Ferreira)

Nesta terça-feira (15), às 14h, o governador Renan Filho e o secretário da Segurança Pública, Alfredo Gaspar de Mendonça, inauguram o trigésimo Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), no município de Matriz de Camaragibe. A nova unidade vai garantir mais policiamento para a região Norte de Alagoas e fortalecer o combate ao crime. Ainda na cidade, o governador e o secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, entregam o acesso à Usina Camaragibe.

Em setembro de 2016, o Governo de Alagoas dava início a uma das maiores transformações estruturais que a Segurança Pública viveu nas últimas décadas, com a implantação do primeiro Centro Integrado de Segurança Pública. O município escolhido foi Boca da Mata, que, além de posicionamento estratégico na região da Zona da Mata alagoana, carecia de reforço no efetivo das polícias Civil e Militar.

Os Centros Integrados estão presentes em todas as regiões do estado, fortalecendo a política de integração policial e garantindo a segurança de mais de 780 mil alagoanos nas 30 cidades contempladas com uma unidade. Ao todo, o Governo do Estado já investiu R$ 77.554.564,24 milhões de recursos do Tesouro Estadual na construção das unidades de tipo I e II.

A ideia de unir as polícias Civil e Militar em um prédio novo e moderno surgiu no início da gestão do governador Renan Filho. Segundo o secretário Alfredo Gaspar, naquele momento, em que Alagoas liderava o ranking como estado mais violento do país, era necessário encontrar novas maneiras de combater o crime.

“O início de toda essa jornada de revolução da Segurança Pública, quando Alagoas era o estado mais violento do país e o governador Renan Filho assumiu, e eu também na Secretaria da Segurança Pública, foi preciso encontrar uma metodologia nova de fazer segurança pública, unindo as polícias e combatendo o crime com eficiência. Daí deu-se a ideia dos Cisps, que têm demonstrado uma política de governo bastante acertada”, disse.

Com a nova política implantada, também foi possível garantir novas instalações, com alojamentos adequados, sala para delegados e comandantes, espaços para reuniões e para refeições. No ano de 2018, a Segurança Pública deu outro passo importante com o início das construções das unidades de tipo II, com capacidade para abrigar batalhões e delegacias regionais. Já estão em funcionamento duas unidades: uma em Pilar e outra em Teotonio Vilela.

Além das mudanças estruturais e de integração, o principal benefício dos Centros Integrados tem sido a redução de homicídios e roubos. A população dos municípios contemplados com as unidades passam a contar com presença policial 24 horas nas ruas.

Todo Cisp traz consigo aumento no efetivo policial, o que permite que as estratégias operacionais tenham mais eficácia e atendam quem mais precisa. Além disso, todos eles contam com viaturas do programa Força Tarefa, possibilitando que operações, abordagens e outras ações sejam realizadas ao redor das cidades.

“Os Cisps têm sido uma forma nova de atuar na Segurança Pública, onde unimos as Polícias Civil e Militar não somente de forma física, mas também na atuação e no combate ao crime. Isso tem produzido resultados efetivos e os números têm demonstrado isso. As manchas criminais onde os Cisps são implantados diminuem consideravelmente”, avalia o secretário Alfredo Gaspar.

Já estão em funcionamento Cisps nas cidades de Boca da Mata, Murici, São José da Laje, São José da Tapera, Girau do Ponciano, Ouro Branco, Cajueiro, Igaci, Viçosa, São Luís do Quitunde, Junqueiro, Pão de Açúcar, São Miguel dos Milagres, Mata Grande, Batalha, Major Isidoro, Messias, Teotônio Vilela, Campo Alegre, Pilar, São Sebastião, Taquarana, Marechal Deodoro, Maribondo, Lagoa da Canoa, Coruripe, Joaquim Gomes, Porto Real do Colégio e Craíbas.

Estão em construção duas unidades tipo II, em Rio Largo e Palmeira dos Índios, e uma unidade do tipo I em Novo Lino, que em breve serão entregues à população.

Serviço: Inauguração Centro Integrado de Segurança Pública em Matriz de Camaragibe.

Data: 15 de junho

Hora: 14h

Fonte: Agência Alagoas

Comentários

MAIS NO TH