Política

21 de fevereiro de 2021 08:51

Bancada Federal de Alagoas reage à fala de Antonio Albuquerque

↑ Deputado Antonio Albuquerque (PTB) (Foto: Assessoria da Assembleia Legislativa do Estado)

Os deputados federais Marx Beltrão (PSD), Isnaldo Bulhões Jr. (MDB), Paulão (PT), Arthur Lira (PP), Pedro Vilela (PSDB), Sergio Toledo (PL), Severino Pessoa (Republicanos) e Tereza Nelma (PSDB) repudiam a fala do deputado estadual Antonio Albuquerque (PTB), que classificou como “covardes” os parlamentares alagoanos que votaram em favor da manutenção da prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL/RJ), frente às afirmações anti-democráticas proferidas pelo parlamentar do Rio de Janeiro.

A bancada reafirma que rechaça, e sempre rechaçará, quaisquer ameaças à Democracia e ao Estado Democrático de Direito e que é integralmente contrária ao retorno de qualquer regime ditatorial no Brasil. A bancada entende que a liberdade de expressão é um direito do cidadão brasileiro e que todos os poderes constituídos são passíveis a críticas e questionamentos – o Legislativo, o Judiciário, o Executivo e também os Ministérios Públicos. Porém, tais críticas e questionamentos não podem resvalar para o tom intimidador, calunioso, violento, injurioso, ameaçador, difamatório ou mesmo coercitivo.

Por fim, os deputados federais signatários desta nota reforçam seu compromisso com a inviolabilidade da atividade parlamentar e com a liberdade de voto de cada detentor de mandato legislativo, repudiando com veemência as acusações de covardia e defendendo o amplo debate de idéias, saudável, construtivo, emancipador e republicano.

Maceió, 20 de fevereiro de 2020

Bancada Federal Alagoana

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH