Política

1 de julho de 2020 22:02

Em defesa do transporte intermunicipal, Marx Beltrão pede que Renan sancione projeto

Desde o dia 30 de março, quando protocolaram o primeiro ofício junto ao Governo Renan Filho, os transportadores intermunicipais de Alagoas aguardam uma resolução para situação econômica

↑ Marx Beltrão (Foto: Sandro Lima/Arquivo)

Se depender da vontade do deputado federal Marx Beltrão, o governador de Alagoas Renan Filho sancionará o mais rápido possível o projeto de lei aprovado pela Assembléia Legislativa de Alagoas, que permite o funcionamento do transporte complementar intermunicipal durante a pandemia da Covid-19.

“Faço este apelo governador Renan Filho. Sancione já este projeto aprovado pela Assembleia. Milhares de transportadores pais de família estão passando por dificuldades sem poder trabalhar. Milhares e milhares de passageiros estão sem poder se locomover sem transporte. Os transportadores podem seguir os protocolos sanitários. Não há porque não liberar a operação deste serviço no estado. Apelo à sua sensibilidade governador” afirmou o parlamentar nesta quarta-feira (1).

O projeto de lei nº 314/2020, que dispõe sobre manutenção das operações dos serviços de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros em regiões metropolitanas, regular e complementar (de autoria da deputada Cibele Moura – PSDB), atende aos pleitos de transportadores e passageiros do interior do estado, que se viram sem opção de trabalho e locomoção diante da pandemia do novo coronavírus e da suspensão de suas atividades pelo governo.

Desde o dia 30 de março, quando protocolaram o primeiro ofício junto ao Governo Renan Filho, os transportadores intermunicipais de Alagoas aguardam uma resolução para sua situação econômica, uma vez que não estão podendo trabalhar – devido à pandemia -, mas vivenciam, diariamente, o transporte irregular de passageiros circulando entre os municípios alagoanos. No dia 17 de abril, outro ofício foi encaminhado, porém, ainda não houve resposta aos permissionários. Neste contexto, a sanção do projeto de lei nº 314/2020 defendida por Marx Beltrão é um sopro de esperança para a toda a categoria.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH