Política

3 de junho de 2020 08:42

Bolsonaristas investigados por Fake News têm grupo para atacar Gilmar Mendes

"Vem aqui, Gilmar. Dar tapa na sua cara. Aqui ó, sequestramos o cara", dizem, em vídeo, os bolsonaristas ligados ao Movimento Conservador

↑ Bolsonaristas do Movimento Conservador em vídeo com ameaças a Gilmar Mendes, do STF (Reprodução/Portal Uol)

Reportagem de Constança Rezende no portal Uol nesta quarta-feira (3) mostra que parte da milícia digital bolsonarista investigada no inquérito das fake news do Supremo Tribunal Federal (STF) criou um “movimento” para pregar ações violentas contra o ministro Gilmar Mendes.

Em vídeo, vestidos de preto e com armas falsas, os bolsonaristas, ligados ao chamado Movimento Conservador, dizem: “Vamos pegar o Sapão”, “tiro no Sapão”, em referência ao apelido dado a eles para Mendes.

Em seguida, eles colocam um boneco com uma imagem do rosto do ministro no porta-malas do carro e dizem: “Vem aqui, Gilmar. Dar tapa na sua cara. Aqui ó, sequestramos o cara”. No final, um homem completa: “Tiro no sapão”.

Segundo a reportagem, no mesmo dia em que o vídeo foi gravado, os bolsonaristas colocaram duas faixas com os dizeres “Sal no Sapão” e “Fora Gilmar Mendes”, em passarelas do município de São José dos Campos, no interior de São Paulo.

Fonte: Revista Fórum

Comentários

MAIS NO TH