Política

6 de março de 2020 08:30

Ex-juiz, Marcelo Tadeu pode se filiar ao PT

Ex-magistrado sempre foi crítico à operação Lava Jato

↑ Marcelo Tadeu tentou vaga em Brasília nas últimas eleições gerais (Foto: Sandro Lima/arquivo)

A dança das cadeiras pré- eleição segue a todo vapor em Maceió. Agora, é o juiz aposentado Marcelo Tadeu que deve deixar o PDT com destino ao PT. À Tribuna, ele explica as razões da troca partidária.

“O PDT, do ponto de vista nacional, eu não tenho concordado com a postura do Ciro Gomes, tem equívocos muito grandes. Depois, o PT, na pessoa do Lula, eu gosto muito do Lula. Ele tem uma importância muito grande, apesar dos erros”, comenta. “Estou bem inclinado [filiar ao PT]. Estou avaliando, mas só devo confirmar na próxima semana. Tive conversas com outros partidos, mas devo ir para o PT mesmo. É provável que me filie”, completa o ex-juiz.

Marcelo Tadeu não confirma candidatura este ano, mas também não descarta a possibilidade. Há dois anos ele tentou uma vaga na Câmara dos Deputados pelo PDT.

“Posso ser candidato. Se tiver condição de sair, a gente sai”, diz o ex-juiz que ressalta não ser apenas a postura de Ciro Gomes que o faz deixar a legenda fundada por Leonel Brizola. “Não é só a questão nacional, mas também de condições de candidatura. Ao menos para mim”.

LAVA JATO

Marcelo Tadeu ganhou notoriedade nacional nos últimos anos por se destacar nas críticas à operação Lava Jato. Ainda no exercício da Magistratura, ele participou do julgamento simbólico da operação no Paraná. Em Alagoas, sua participação lhe rendeu uma sindicância na Corregedoria Geral de Justiça por participação em atividades político-partidária.

À Tribuna, na edição de 17 de agosto de 2017, Marcelo Tadeu argumentou sua ida ao Paraná: “Fui participar de uma aula popular e falei sobre a questão da imparcialidade no Poder Judiciário que, a meu ver, é um mito porque somos dotados de visões de mundo e valores, e isso interfere nos julgamentos. Daí, o pessoal de lá gostou da minha fala e me convidou para participar do julgamento simbólico da Lava Jato”.

Já na edição de 24 de fevereiro de 2018, o ex-juiz reafirmou todas as críticas que já havia feito à Lava Jato. Segundo ele, a operação causou prejuízos “Financeiros, econômicos e até morais também”.

Em 2018, Marcelo Tadeu obteve 5.157 votos.

Fonte: Tribuna Independente / Carlos Amaral

Comentários

MAIS NO TH