Política

22 de janeiro de 2020 08:32

Cícero Almeida é mais um cotado para Prefeitura de Maceió

Ex-prefeito por dois mandatos, ele cita estar independente para lançar a pré-candidatura na eleição deste ano

↑ Cícero Almeida comenta sobre candidatos mais novos, mas faz questão de destacar experiência nos cargos (Foto: Sandro Lima/arquivo)

Antes mesmo do início da campanha eleitoral oficial, que promete movimentar os municípios alagoanos em 2020, muitas pré-candidaturas seguem ensaiando colocar o “bloco na rua”. Independentemente das pesquisas eleitorais, nomes já conhecidos da política alagoana começam a despontar no horizonte.

Um dos nomes que aparecem neste cenário pré-eleitoral é o do ex-prefeito e ex-deputado federal, Cicero Almeida. Filiado ao Democracia Cristã (DC), antigo PSDC, ele diz que a capital precisa de mudança, mas com experiência e responsabilidade.

“Apostar no novo é acontecer o que aconteceu em Maceió nestes últimos anos. Nossa cidade não tem mais espaço para o candidato ir para a prefeitura aprender trabalhar e participar de estágio probatório”, declara.

Segundo o ex-deputado, o atual contexto político precisa de uma análise de quem está sendo cotado e apostando em pré-candidaturas. “Mesmo sabendo que Maceió precisa de mudança e de renovação, precisamos analisar os políticos que se apresentam como pré-candidatos, e suas relações com o Governo de Alagoas, bem como com o governo federal. A minha política não é contra ninguém, e sim a favor de Maceió”, afirma Cicero Almeida.

À ESPERA DE ALFREDO

Cícero Almeida ressaltou, ainda, que estava aguardando uma oficialização da pré-candidatura de Alfredo Gaspar de Mendonça, procurador-geral do Ministério Público Estadual (MPE), à Prefeitura de Maceió.

“Fiquei na expectativa que o Alfredo [Gaspar de Mendonça] tivesse a sua pré-candidatura lançada. Tenho muito carinho por ele. Tendo em vista este acontecimento, conversei com o Max Palmeira, que será o presidente do DC e resolvemos anunciar a nossa pré-candidatura. Até o dia 15/02 faremos o anúncio oficial, com a presença do presidente nacional do DC, Eymael”, relata Almeida.

LIBERDADE

Para o ex-prefeito e ex-deputado federal, a liberdade e a independência política vivenciada no Democracia Cristã fez com que ele participe das eleições municipais.

No passado, as alianças politicas atrapalharam a carreira política do ex-deputado. “Desde quando deixei a Prefeitura, a minha pretensão não era ser deputado federal. Em 2016 seguimos como candidato a prefeito com o apoio do governador [Ronaldo Lessa] que, no meu entendimento, diante do que a gente conversou, teríamos uma grande parceria entre o prefeito e o governador. Eu fiz a minha parte e no que foi possível não tive a contrapartida devida”.

Ainda segundo Cicero Almeida as acusações e processos contra ele já estão sendo resolvidos e isto também lhe dá total segurança para estar buscando a vitória nas urnas no pleito deste ano. “Os processos contra mim já estão sendo esclarecidos e não há nada contra a minha pessoa”, finaliza o ex-prefeito de Maceió, que esteve à frente da gestão entre os anos de 2004-2008 e 2008-2012.

Fonte: Tribuna Independente / Jairo Silva

Comentários

MAIS NO TH