Política

5 de novembro de 2019 09:52

Operação da PF mira senador Renan Calheiros

Ação cumpre mandados de busca e apreensão autorizados por Fachin

↑ Renan Calheiros e Eduardo Braga no Senado (Foto: Reprodução)

A Polícia Federal (PF) cumpre, na manhã desta terça-feira (5), uma série de mandados de busca e apreensão e de sequestro de bens autorizados pelo ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF). Entre seus alvos os senadores Renan Calheiros (MDB) e Eduardo Braga (MDB-AM), além do ministro Vital do Rêgo, do Tribunal de Contas da União (TCU). As informações são do Blog Radar, da revista Veja.

Ainda segundo o site, a operação mira autoridades com foro privilegiado em razão de uma investigação em curso perante o STF. A PF afirmou, em nota, que não dará detalhes da ação desta terça. “Atendendo às determinações do Ministro Luiz Edson Fachin, que assina as ordens judiciais, a Polícia Federal informa que não realizará qualquer divulgação das ações realizadas desde as primeiras horas da manhã”.

Procurado pela imprensa, o gabinete do senador Renan Calheiros afirma que ele foi convocado para prestar depoimentos e negou haver movimentação policial no local.

Já o senador Eduardo Braga, no Twitter, publicou uma intimação para comparecer à sede da PF para prestar depoimento, mas como sendo algo previamente agendado.  “Permaneço à disposição da Justiça e da verdade”.

Fonte: Redação com agências

Comentários

MAIS NO TH