Política

20 de dezembro de 2017 18:09

Renan Filho anuncia construção de acesso ao Residencial Maceió I

Renan Filho participou da entrega de 3.900 unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida, no conjunto Eustáquio Gomes

↑ Segundo Renan Filho, acesso do Residencial Maceió I à BR-104 será construído dentro do programa Pró-Estrada (Foto: Márcio Ferreira / Agência Alagoas)

O governador Renan Filho participou, na manhã desta quarta-feira (20), da entrega de 3.900 unidades habitacionais do Residencial Maceió I, no Eustáquio Gomes, destinadas às famílias beneficiadas pelo programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal.

Em seu discurso, Renan Filho anunciou que o Governo do Estado vai construir, por meio do programa Pró-Estrada, a via de acesso entre o novo conjunto habitacional e a BR-104. De acordo com ele, a estrada será dotada de ciclovia.

“Esse conjunto precisa muito de uma creche, de um posto de saúde e de uma estruturação de assistência social que o programa Minha Casa, Minha Vida já contempla. Mas, o Residencial Maceió I precisa do acesso até as proximidades da Universidade Federal de Alagoas, que está no barro. Vou garantir aqui o acesso até a BR-104 para beneficiar as famílias que aqui moram”, disse o governador, solicitando autorização da prefeitura para que o Estado execute a obra, bem como celeridade nos trâmites burocráticos.

Renan Filho citou, ainda, três obras importantes – já em execução pelo Governo do Estado – que vão beneficiar diretamente os moradores do Habitacional Maceió I: a estrada de acesso entre o Benedito Bentes e o município de Rio Largo, o viaduto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Hospital Metropolitano, no Tabuleiro do Martins.

Durante a solenidade, o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, fez a entrega das chaves do imóvel à dona Sebastiana da Conceição, 58 anos, e ao marido dela, José Florentino, 55, representando todas as 3.900 famílias beneficiadas pelo Minha Casa, Minha Vida. Na obra do Residencial Maceió I foram investidos R$ 237 milhões.

 

(Foto: Márcio Ferreira / Agência Alagoas)

Sebastiana e José Florentino moravam no Vale do Reginaldo. Após uma vida toda pagando aluguel, festejaram o recebimento do imóvel, junto aos dois filhos e a quatro netos, que agora contam com um novo lar.

“Vamos pagar uma prestação de R$ 93,70, mas é bem abaixo do valor do aluguel que pagávamos, de R$ 300. O mais importante é que a casa é nossa. No aluguel, a gente paga e já fica devendo. Estamos muito felizes”, confessou José Florentino.

O governador Renan Filho fez a entrega das chaves da nova casa pertencente à Derivânia da Silva Santos, que também representou as famílias beneficiadas, durante a solenidade.

(Foto: Márcio Ferreira / Agência Alagoas)

“O Minha Casa, Minha Vida é um grande programa, que realiza sonhos, gera empregos, favorece o dinamismo da economia e cria condições para que Alagoas siga avançando. Fico muito feliz por essas 3.900 famílias que estão recebendo as casas próprias no dia de hoje. Existem outros conjuntos e nós estamos trabalhando para agilizar as entregas. Nos últimos três anos, entregamos quase 20 mil casas em Alagoas, na capital e no interior do Estado”, lembrou o governador.

Participaram, ainda, da solenidade o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Mauricio Quintella; do Turismo, Marx Beltrão; o presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Gilberto Occhi; os secretários de Estado da Infraestrutura, Humberto Carvalho; e do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito; o diretor-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa de Alagoas (Fapeal), Fábio Guedes; o prefeito de Maceió, Rui Palmeira; o senador Benedito de Lira; o deputado federal Arthur Lira, o presidente da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), Hugo Wanderley, dentre outras autoridades.

Comentários

MAIS NO TH