Política

18 de outubro de 2016 11:28

Coligação tucana pede apuração sobre mensagens a eleitores

Imagens e mensagens telefônicas estariam sendo usadas em tentativa de macular imagem de Rui Palmeira

Na última sexta-feira (17), a assessoria de Rui Palmeira informou que comunicou à Justiça Eleitoral a divulgação de imagens e mensagens telefônicas com a tentativa de macular sua imagem.

As pessoas que recebem as ligações, que simulam uma pesquisa eleitoral, são informadas que o tucano seria réu da Operação Lava Jato e que haveria a possibilidade de ele deixar o cargo de prefeito para que seu vice, Marcelo Palmeira, assuma em seu lugar.

Já as imagens estão utilizando marcas de veículos de comunicação numa tentativa de dar veracidade aos boatos espalhados. Tanto o jornal Extra quanto o site Gazetaweb – que tiveram seus nomes vinculados às imagens – já publicaram notas repudiando esse fato.

Em nota, a assessoria de Rui diz que a propagação de informações caluniosas tem “baixado o nível da campanha eleitoral, na tentativa de prejudicar os adversários” e que “a população de Maceió conhece os candidatos à Prefeitura e sabe diferenciar quem tem propostas para o crescimento da cidade de quem só sabe difamar e caluniar”.

O advogado de Rui, Ricardo Wanderley, disse que já foi dado entrada em duas ações, em âmbito eleitoral e criminal, contra essa prática.

Os advogados de Cícero Almeida negam qualquer envolvimento da campanha peemedebista nas ligações telefônicas e nas imagens que circulam na internet desde a semana passada.

Fonte: Tribuna Independente

Comentários

MAIS NO TH