Polícia

26 de julho de 2021 13:18

Criança de dois anos morre afogada e advogada é presa por abandono de incapaz

Mulher teria colocado criança para dormir e não viu quando menino acordou e caiu na piscina da casa

↑ Foto: Ilustração

Uma criança de dois anos foi achada morta, no fundo da piscina de uma casa na Praia do Francês, em Marechal Deodoro, Região Metropolitana de Maceió, neste sábado (24). Uma advogada que estava responsável pela criança é acusada de abandono de incapaz com resultado morte.

O menino foi identificado como Luan Henry de Souza Santos. Não há informações sobre os pais da criança.

Ele chegou a ser levado até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde foi confirmada a morte por afogamento.

Durante os depoimentos prestados na Central de Flagrantes, a advogada, seu esposo e amigos do casal disseram que estavam na casa onde ocorreu o fato. A acusada teria colocado a criança para dormir em um quarto, voltou para a área externa e, quando foi olhar novamente a criança, viu que ela não estava onde havia deixado.

Nesse momento começaram as buscas por Luan Henry, que foi achado na piscina.

Na noite de domingo (25) a advogada teve a liberdade provisória decretada.

Fonte: Redação

Comentários

MAIS NO TH