Polícia

5 de maio de 2020 09:18

Subtenente da PM morre vítima do novo coronavírus em Maceió

Militar ingressou na Corporação no ano de 1991 e atualmente estava lotado no Bope

↑ Militar foi incorporado à PM-AL em fevereiro de 1991, servindo à instituição (Foto: Arquivo pessoal)

O subtenente Erivaldo da Polícia Militar de Alagoas, de 51 anos, foi a primeira morte confirmada na corporação de um militar da ativa no estado. Informações dão conta de que ele estava internado há algumas semanas, em tratamento da Covid-19, em um hospital particular da capital, onde foi a óbito na madrugada desta segunda-feira (4).

A Polícia Militar de Alagoas lamenta com profundo pesar o falecimento do subtenente Erivaldo Oliveira dos Santos, 51 anos, ocorrido nesta segunda-feira (04). O militar, que foi incorporado à PM-AL em fevereiro de 1991, servindo à instituição e à sociedade alagoana com dedicação ao longo dos anos, atualmente estava lotado no Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).
O comandante-geral coronel Marcos Sampaio se solidariza com a família nesse momento de profunda dor e se coloca à disposição para o que for necessário.

OUTROS CASOS

No dia 25 de abril, outro militar também foi vítima da doença. O subtenente PM da reserva remunerada e sócio da entidade, José Romildo Nogueira da Silva, de 56 anos, morreu no Hospital Veredas, na Gruta de Lourdes, onde ficou internado para tratar Síndrome Respiratória Aguda Grave, provocada pela Covid-19.

Ao todo, 21 policiais militares e civis de Alagoas já haviam sido infectados pelo novo coronavírus e mais de 200 estavam com suspeita da doença até a semana passada.

Até então, o novo coronavírus já havia afetado 40 unidades da Polícia Militar de Alagoas. De acordo com a Polícia Civil (PC), 28 profissionais estão afastados das funções preventivamente.

 

Fonte: Tribuna Hoje, com agências

Comentários

MAIS NO TH