Polícia

18 de novembro de 2019 20:25

Alagoano está entre vítimas de envenenamento em massa em São Paulo

Luiz Pereira da Silva, natural de Palmeira dos Índios, morreu na manhã de sábado

↑ Luiz Pereira da Silva, de 49 anos - Foto: Reprodução

O alagoano Luiz Pereira da Silva, de 49 anos, natural de Palmeira dos Índios, foi uma das vítimas do suposto envenenamento que ocorreu na madrugada do sábado (16), na cidade de Barueri, em São Paulo. Além dele, mais três pessoas que viviam em situação de rua também perderam a vida.

Luiz teria se mudado para São Paulo em busca de um emprego ainda na década de 1990. Parentes informaram que ele sofria de alcoolismo e que estava vivendo em situação de rua após uma separação. Apesar de ter nascido em Alagoas, o corpo de Luiz Pereira foi sepultado no cemitério Santo Antônio, em Osasco, na Grande São Paulo.

Envenenamento em massa

Segundo nota da prefeitura de Barueri, oito pessoas deram entrada no Pronto-Socorro Central de Barueri com indícios de envenenamento. Edson Sampaio, de 40 anos, Luiz Pereira da Silva, de 49, Marlon Alves Gonçalves, de 39 e Denis da Silva, cuja idade não foi divulgada, morreram na manhã do sábado.

Em nota oficial divulgada no sábado, a prefeitura informou que um dos sobreviventes contou que uma garrafa com bebida alcoólica lhe foi oferecida por desconhecidos na capital paulista, na região da cracolândia. Todas as vítimas compartilharam do líquido momentos antes de passarem mal na Rua Duque de Caxias, região central de Barueri.

Fonte: Tribuna Hoje com agências

Comentários

MAIS NO TH