Polícia

13 de junho de 2019 08:56

PC investiga se túnel foi feito para roubar empresa de valores

Escavações com cerca de cinco metros de extensão são descobertas após piso de uma casa no Trapiche ceder

↑ Delegado do caso e a perícia estiveram na casa, cujo piso cedeu por conta de um túnel (Foto: Edilson Omena)

A Polícia Civil de Alagoas (PC/AL), através da Seção de Roubo a Banco da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), investiga se um túnel com cerca de cinco metros de extensão, que foi descoberto após parte do piso de uma casa no Trapiche da Barra ceder, teria sido feito por assaltantes na tentativa de roubar um empresa de transporte de valores, que fica  uma rua após o  local onde escavação foi descoberta.

Segundo o delegado Cayo Rodrigues da Deic, a escavação tinha uma estrutura relativamente organizada e com direção para a empresa Prosegur.

“Acreditamos que foi uma tentativa de furto muito inicial que foi abortada. A direção da escavação ia em direção à empresa”, explica o delegado.

(Foto: Cortesia)

Nesta quarta-feira (12), O delegado e a equipe da perícia estiveram no local. Segundo Rodrigues, ainda não dá para dizer quando a escavação teria começado. “Não dá para traçar o tempo do túnel. Mas ao que parece já existe há algum tempo”.

O delegado explica que esse tipo de chamado não é habitual no estado. “Este tipo de descoberta não é comum por aqui. Agora vamos seguir com as investigações ouvindo os moradores, proprietários da casa e vizinhos. A ideia é periciar outras casas ao redor para observar se existem outras escavações semelhantes”, conta acrescentando que a empresa que seria alvo da ação criminosa será ouvida. “Mas o foco inicial é descobrir onde e quando essa ação começou’’.

A reportagem tentou contato com a empresa, mas não obteve retorno. O morador da residência, que está alugada há um ano, deu entrevistas para sites locais, porém não quis ser identificado. Ele disse que o piso cedeu e precisou chamar um pedreiro e acabou percebendo que o problema era maior do que aparentava.

No túnel, a polícia encontrou um ventilador – que para eles seria para ventilar o local.

“O fim do túnel dá em uma base de concreto, que provavelmente dificultou o avanço nas escavações. Nós acreditamos que as escavações estavam paradas por algum motivo, porque não tinha atividade recente de movimentação. Encontramos ainda um ventilador no túnel. O local foi isolado. Ouvimos algumas pessoas preliminarmente. Até o fim de semana estaremos colhendo mais depoimentos na tentativa de identificar os autores do túnel’’, disse Cayo.

Vale lembrar que, em 2006, uma espécie de túnel também foi descoberto na capital alagoana. Na época, foram constatado que escavações levariam criminosos a no mínimo duas agências bancárias no bairro do Farol.

 

Fonte: Tribuna Independente / Lucas França

Comentários

MAIS NO TH