Polícia

9 de novembro de 2018 16:31

Polícia Civil nomeia comissão para apurar troca de tiros em Santana do Ipanema

Eduardo Mero, Bruno Emilio Macedo e Hugo Leonardo Oliveira foram designados

↑ Delegacia Geral da Polícia Civil (Foto: Assessoria da Polícia Civil de Alagoas)

A Delegacia Geral da Polícia Civil de Alagoas nomeou uma comissão composta por três delegados para apurar a troca de tiros entre integrantes da Instituição e suspeitos de roubos a bancos, ocorrida no município de Santana do Ipanema, na quinta-feira (8).

Os delegados Eduardo Mero Campos, coordenador da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Bruno Emilio Macedo Teixeira, integrante da especializada, e o delegado Hugo Leonardo Oliveira de Vasconcelos, titular da Delegacia Regional de Santana do Ipanema (2ª DRP), compõem a comissão responsável em apurar o caso.

A Portaria com a designação será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), na edição de segunda-feira (12). O delegado Eduardo Mero será o presidente da comissão.

Comissão de Direitos Humanos da OAB/AL encaminha ofício à SSP

A Comissão de Direito Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Alagoas encaminhou ofício, nesta sexta-feira (09), ao Secretário de Secretário de Segurança do Estado de Alagoas, coronel Lima Júnior, solicitando informações e esclarecimentos a respeito da operação Policial desencadeada nesta quinta-feira (08), em uma residência localizada na Zona Rural entre as cidades de Santana do Ipanema e Dois Riachos, em que vitimou onze pessoas supostamente envolvidos com assaltos a banco.

O documento é assinado pelo presidente da Comissão, advogado Ricardo Moraes, que lembra a necessidade de esclarecimento pelas circunstâncias em que ocorreu o suposto confronto policial, considerando a grande repercussão dos fatos, principalmente com a divulgação de fotos pelas redes sociais e ampla divulgação nos veículos de imprensa.

“A OAB Alagoas, por meio da Comissão, enfatiza uma grande preocupação com a divulgação das referidas fotos e imagens que são chocantes e, sem dúvida, por meio destas, são criadas e especuladas várias hipóteses para o caso, além de demonstrar um verdadeiro desprezo pela vida humana”, diz Ricardo Moraes através do ofício.

Operação

Onze suspeitos de participarem de crimes de roubo a banco morreram na quinta-feira, após troca de tiros com policiais civis, entre os municípios de Santana do Ipanema e Dois Riachos, no Sertão de Alagoas. No local foram apreendidos espingardas calibre 12, pistolas, munição, explosivos e um carro usado possivelmente nas ações criminosas. Intitulada de Cavalo de Troia a operação tinha como alvo suspeitos de terem assaltado a uma agência do Bradesco, crime ocorrido na madrugada de quinta em Águas Belas, no Agreste de Pernambuco.

A ação foi coordenada pelos delegados Fábio Costa, Cayo Rodrigues e Thiago Prado e contou com o apoio do Grupamento Aéreo. Entre os suspeitos de assalto, estava Manoel Bezerra de Almeida, morador do bairro Centenário. Manoel que já possuía passagens por assalto a banco no Pará e no Ceará, havia sido preso em março desde ano com uma identidade de falsa e por tráfico de drogas em Paulo Afonso.

Os delegados que participaram da operação informaram à imprensa nesta sexta-feira (9) que não ocorreram excessos. Foram identificados cinco pessoas até o momento pelo Instituto de medicina Legal.

Segundo a polícia, os suspeitos integravam uma quadrilha de roubo a bancos e teriam começado a ser investigados depois de dois assaltos praticados no interior alagoano, em Cacimbinhas e Igreja Nova, no segundo semestre. As autoridades chegaram até a casa onde eles estavam por meio do setor de inteligência.

Até o momento, estão identificados apenas sete dos 11 corpos: Adjane da Silva, de 30 anos, de Santana do Ipanema; André Luiz de Morais Lima, 30 anos, de Serra Talhada-PE; Adeildo de Souza Timóteo, 23 anos, de Aracaju-SE; Carlos Alberto de Lima, 30 anos, de Arapiraca-AL; Evandro de Paula Lima Silva, 34 anos, de Minador do Negrão; Francisco das Chagas Vieira de Barros, 32 anos, de Água Branca-PI; e Manuel Bezerra de Almeida, de idade não divulgada, de Paulo Afonso-BA).

11 suspeitos de assaltos morrem em ação policial em Alagoas

Fonte: Tribuna Hoje

Comentários

MAIS NO TH