Polícia

2 de março de 2018 16:42

CPC apresenta planejamento de policiamento para primeiro CRB x CSA do ano

No início da coletiva, foi feito um minuto de silêncio em homenagem aos três policiais militares mortos em um acidente nessa quinta-feira

↑ Entradas das torcidas de CRB e CSA nos respectivos setores do Rei Pelé (Foto: Assessoria do Batalhão de Polícia de Trânsito)

O Comando de Policiamento da Capital (CPC) apresentou na manhã desta sexta-feira (02), no Auditório da Academia de Polícia Militar Senador Arnon de Mello, no bairro do Trapiche da Barra, o plano de policiamento montado para a primeira partida da temporada entre as equipes do CRB e CSA no próximo domingo (04), às 17h, no Estádio Rei Pelé. No início da coletiva, foi feito um minuto de silêncio em homenagem aos três policiais militares mortos em um acidente nessa quinta-feira (1º), na BR-101.

Participaram do encontro o comandante do CPC, tenente-coronel Neyvaldo Amorim; o subcomandante, tenente-coronel Domingos da Silva, representantes da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), da Secretaria Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social (SEMSCS), da Federação de Alagoana de Futebol, bem como dos clubes e torcidas.

Para Neyvaldo Amorim, a Segurança Pública está preparada para manter a segurança dos torcedores e profissionais envolvidos no evento.

“Disponibilizamos mais de 350 homens para trabalhar nesta partida, além dos outros órgãos que estarão prestando apoio a Polícia Militar, como a SMTT e a SEMSCS. Espero que os torcedores compareçam, prestigiem seus times, pois estaremos atentos a tudo que vier a ocorrer, com o objetivo da manutenção da paz dentro e fora do Rei Pelé”, disse o tenente-coronel.

O responsável pelo policiamento do jogo será o comandante do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), tenente-coronel Lima Neto. De acordo com o oficial superior, todo o efetivo estará empenhado em garantir a segurança de todos os envolvidos na partida.

“Para que se evitem problemas no entorno e na entrada do estádio, oriento aos torcedores que cheguem cedo, pois todos passarão por uma revista minuciosa. Quem for com o pensamento de fazer baderna, vai encontrar uma polícia altamente preparada para combater qualquer tipo de criminalidade”, afirmou o tenente-coronel Lima Neto.

A Avenida Siqueira Campos, no entorno do estádio, será interditada a partir das 13h por agentes da SMTT. Às 15h ocorre a abertura dos portões e a expectativa de público para o jogo de domingo é de 17 mil pessoas.

A torcida do CSA só poderá entrar pela Rua Coronel José Francisco Vieira, que fica na parte de trás do Rei Pelé. Já os torcedores do CRB não poderão transitar por esta região e o descumprimento da determinação poderá acarretar em detenção e condução à Polícia Judiciária onde será confeccionado um Termo Circunstanciado de Ocorrência por Desobediência. As torcidas organizadas regatianas ficarão no setor 04 e as azulinas no setor 05, do estádio.

Ao todo, serão empregados 351 policiais militares, no policiamento interno e perímetro externo a pé, motorizado e montado, que se apresentará às 14h. Com o final da partida, o reforço no policiamento será voltado para os corredores de ônibus e adjacências ao estádio. O videomonitoramento e o juizado estarão funcionando dentro do Rei Pelé.

Em relação à entrada de crianças e adolescentes ao estádio, por determinação judicial, os menores de 18 anos só poderão adentrar ao local da partida acompanhados de um responsável e portando documento oficial com foto. Em hipótese alguma será permitida a entrada de menores de dois anos de idade.

Fonte: Assessoria da Polícia Militar de Alagoas

Comentários

MAIS NO TH