Polícia

23 de março de 2017 17:45

Polícia Civil detém homem por latrocínio em Atalaia

Vítima sofreu agressões, bateu cabeça no meio fio e teve carteira roubada

Policiais civis do 104º Distrito Policial, comandados pelo delegado Igor Diego Vilela, prenderam, na tarde desta quarta-feira (22), um homem suspeito de latrocínio na Zona da Mata alagoana.

José Nilson dos Santos Soares, de 53 anos, conhecido como “Nilsinho”, é suspeito de executar Mauro José Soares da Cruz, de 54 anos, no dia 13 de março deste ano no município de Atalaia. Segundo o delegado, durante o homicídio, autor e vítima estavam consumindo bebidas alcoólicas juntos e José Nilson o levou a um bar, e, ao chegarem ao referido estabelecimento comercial, ele desferiu murros e empurrou a vítima.

Após as agressões, Mauro caiu e cortou a cabeça no meio fio da calçada e José Nilson foi para casa normalmente, enquanto a vítima ficou sangrando, na calçada do bar até o dia seguinte. Durante o crime, a carteira da vítima que continha uma quantia em dinheiro e vários documentos pessoais foram roubados pelo suspeito. O delegado disse que as agressões ocorreram na segunda-feira, 13 de março, e a vítima veio a óbito, após as lesões que sofreu na região da cabeça, no último sábado (18).

Após as investigações, o delegado Igor Diego concluiu o inquérito e representou pela prisão de José Nilson, que foi devidamente cumprida nesta quinta (23), no município de Atalaia. A autoridade policial disse ainda que, após a prisão, José Nilson confessou que cometeu o latrocínio.

Comentários

MAIS NO TH