Polícia

25 de janeiro de 2017 15:38

Guarnição a caminho de ocorrência de homicídio capota viatura na Santa Amélia

Soldado dirigia viatura e foi levado ao HGE em estado grave por helicóptero do Samu

Atualizada às 16h22

Na tarde desta quarta-feira (25), um capotamento de uma viatura do 4º Batalhão de Polícia Militar deixou os quatro militares da guarnição feridos. O fato foi registrado na principal via do bairro da Santa Amélia, a Rua Empresário Jorge Montenegro Barros, e teria ocorrido porque os militares desviaram de uma motocicleta quando iam dar apoio a uma ocorrência de homicídio no Clima Bom.

A ocorrência foi registrada pouco antes das 14h quando os policiais seguiam em alta velocidade para o Clima Bom, pois os familiares da vítima de homicídio estavam tumultuando o local do crime.

Foram enviadas para o local pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) um helicóptero e uma Unidade de Suporte Avançado (USA). O Corpo de Bombeiros enviou duas unidades de resgate.

Segundo o tenente Adaildo, supervisor de plantão do 4º BPM, todas as vítimas saíram do local do acidente conscientes. O condutor do veículo era o soldado Tiago de Moraes Freitas, de 30 anos, ele sofreu trauma cranioencefálico, foi submetido a exames de imagens e encontra-se na área vermelha do HGE em estado estável. Ele foi levado de helicóptero até a unidade. O Samu o estabilizou antes de iniciar o transporte à unidade hospitalar.

O cabo Givaldo José de Sousa da Silva, de 29 anos, sofreu trauma no joelho direito e na região lombar. Foi submetido a exames de imagens e está em observação na área vermelha. Estado de saúde estável.

O soldado Benival de Oliveira Ferreira, de 33 anos, teve escoriações nos membros superiores e edema em região cervical.  Foi submetido a exames de imagens e está em observação na área vermelha. Estado de saúde estável.

O soldado André Luiz de Almeida Barros, de 31 anos, sofreu trauma cranioencefálico leve e escoriações pelo corpo. Foi submetido a exames de imagens e encontra-se na área vermelha em estado estável.

Todos os três foram levados pelas ambulâncias ao HGE para certificar de que nenhum ferimento mais grave teria ocorrido por causa do acidente.

O tenente Adaildo acionou outra viatura do Corpo de Bombeiros para limpar o combustível da pista e acabar com o risco de explosão. Para isso, a área da rua foi isolada e o trânsito desviado para um trecho de areia até a retirada do carro, um Fiat Weekend Trekking de placas QLE-6630.

(Foto: Sandro Lima)

Trãnsito foi desviado para a lateral da via

Comentários

MAIS NO TH