Mundo

10 de maio de 2020 18:19

Disseminação de Covid-19 acelera novamente na Alemanha

Merkel, cedendo a pressões de líderes dos 16 Estados federais da Alemanha para recomeçar a vida social e reviver a economia, anunciou na quarta medidas que incluem mais lojas abertas e um gradual retorno às escolas

↑ Profissionais de saúde estão mais próximos de pacientes infectados pelo novo coronavírus (Foto: Piero Cruciatti / AFP)

Novas infeções por coronavírus estão acelerando novamente na Alemanha, apenas dias depois de as restrições sociais serem afrouxadas, levantando preocupações de que a pandemia pode mais uma vez fugir do controle.

O Instituto Robert Koch para controle de doenças disse em um boletim diário que o número de pessoas que cada doente contagia —conhecido como taxa de reprodução, ou R— subiu para 1,1. Quando passa de 1, significa que o número de infecções está crescendo.

A chanceler Angela Merkel, cedendo a pressões de líderes dos 16 Estados federais da Alemanha para recomeçar a vida social e reviver a economia, anunciou na quarta-feira medidas que incluem mais lojas abertas e um gradual retorno às escolas.

Ao mesmo tempo, ela lançou um “freio de emergência” que permite a reimposição das restrições se as infecções voltarem a acelerar.

Karl Lauterbach, parlamentar social-democrata e professor de epidemiologia, alertou que novos casos de coronavírus poderiam voltar a se disseminar rapidamente após ver grandes aglomerações no sábado em sua cidade natal Colônia.

“O relaxamento das medidas foi muito mal preparado”, disse Lauterbach, em um tuíte.

O Instituto Robert Koch disse, neste domingo, que o número de novos casos de coronavírus subiu em 667 em um dia para 169.218, enquanto o total diário de mortes subiu em 26, para 7.395.

Fonte: Reuters

Comentários

MAIS NO TH