Interior

5 de maio de 2021 10:53

Ufal terá polo de educação à distância no município de Porto Calvo

Em reunião com a prefeita de Porto Calvo, Eronita Sposito, e o deputado estadual Dudu Ronalsa, Tonholo tratou das futuras instalações do Campus Litoral

↑ Reunião no Gabinete do reitor Josealdo Tonholo (Foto: Ascom Ufal)

A agenda do reitor Josealdo Tonholo com prefeitos não pára. Mesmo diante das dificuldades enfrentadas com os cortes orçamentários, o gestor da Universidade Federal de Alagoas cai em campo para buscar parcerias e mostrar a importância da instituição para o desenvolvimento do Estado.

Em reunião com a prefeita de Porto Calvo, Eronita Sposito, e o deputado estadual Dudu Ronalsa, Tonholo tratou das futuras instalações do Campus Litoral da Universidade Federal de Alagoas e da implantação do polo de educação a distância (EAD) naquele município.

Tonholo e membros da gestão central da Ufal receberam a demanda da prefeita Eronita Sposito, que pretende levar para Porto Calvo um polo de EAD. Enquanto a obra de construção da sede do novo campus da Universidade não se concretiza, a gestora quer implantar cursos de graduação e pós-graduação a distância. “Enquanto as obras não se iniciam, não podemos parar. É muito gratificante ver o município tomando rumo. Agradeço a todos os técnicos e ao secretário Antônio Sposito por contribuir com mais uma conquista para a nossa cidade”, ressaltou a prefeita.

Na última segunda-feira (26), a equipe técnica da Secretaria Municipal de Educação de Porto Calvo (Semed) se reuniu com representantes da Ufal para discutir pautas relevantes sobre o projeto de Educação a Distância (EAD), que em breve será implantado no município e atenderá a população local e as cidades circunvizinhas.

Durante a reunião, foi destacado que, além da proposta para ensino superior, a cidade também contará com cursos profissionalizantes. O objetivo da Semed é ofertar educação local e regional sob uma perspectiva de excelência.

Novo campus

Outro ponto de pauta foi a construção da sede do novo campus da Ufal que ainda é uma preocupação para o reitor porque não há recursos para a obra. O terreno de 5,8 hectares foi doado oficialmente à Universidade em janeiro de 2016 pela Prefeitura de Porto Calvo. Essa será a última etapa do projeto de interiorização da instituição, iniciado há 16 anos.

Sobre o Campus Litoral, o deputado estadual Dudu Ronalsa se comprometeu a buscar apoio junto à bancada federal alagoana para fazer uma visita ao Ministério da Educação em busca de recursos para construção da sede.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH