Interior

14 de janeiro de 2021 16:31

Obras de pavimentação, drenagem e ciclovia são iniciadas em Rio Largo

De acordo com o prefeito  esse é mais um compromisso assumido pela gestão municipal de garantir melhores condições de infraestrutura para o povo 

↑ Gilberto Gonçalves: Se na 1ª gestão fizemos muito, nessa faremos ainda mais pelo nosso povo

A Prefeitura de Rio Largo/AL iniciou nesta quinta-feira (14), as obras de pavimentação, drenagem, ciclovia e arborização da principal via de acesso ao município. A solenidade de início das obras contou com a presença dos procuradores e secretários municipais, vereadores e alguns moradores do Tabuleiro do Pinto

O trabalho executado é fruto de recursos federais e tem o objetivo de proporcionar melhoria da mobilidade urbana, segurança viária para os moradores e usuários da via, além de acabar com todo o alagamento causado no período de chuva na região.

De acordo com o prefeito Gilberto Gonçalves, a obra vai trazer mais dignidade a todos os habitantes do bairro do Tabuleiro do Pinto. “Se na primeira gestão já fizemos muito, nessa segunda gestão faremos ainda mais pelo nosso povo. Vamos acabar de uma vez por todas com os problemas da Lagoa da Graça e fazer uma praça para o lazer dos moradores daquela região. A gente só faz em Rio Largo coisas grandes, do jeito que o povo merece. Uma cidade só tem justiça social quando se tem saúde, educação e infraestrutura para todos”, comentou o chefe do Executivo de Rio Largo.

Segundo o Secretário de Infraestrutura, Gustavo Ferreria, as obras já foram iniciadas e os moradores terão um local digno e adequado para o convívio e o tráfego de veículos. “Na manhã desta quinta-feira foi dada a largada para a pavimentação, drenagem e ciclovia da principal via do nosso município, acabando de uma vez por todas os problemas de alagamentos na região”, disse o secretário.

A Dona Laudinete Cordeiro é moradora do bairro há 39 anos. Ela falou emocionada sobre as melhorias que a obra trará para os moradores. “Sim graças a Deus estamos muito contentes, porque nossas casas alagam no período de chuva. E agora graças a Deus esse problema será solucionado”, destacou a moradora.

Fonte: Assessoria

Comentários

MAIS NO TH